Crédito para micro e pequenas empresas é tema de debate na ACSP

Evento acontece nesta sexta-feira (1/09), na sede da Associação Comercial de São Paulo, com a presença de Guilherme Afif Domingos, presidente do Sebrae, e representantes do BNDES, DesenvolveSP e Ministério da Fazenda

Redação DC
31/Ago/2017
  • btn-whatsapp

Ministério da Fazenda, Receita Federal, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Central de Registro de Direitos Creditórios (CRDC) e Desenvolve SP estarão juntos nesta sexta-feira (1/9), na Associação Comercial de São Paulo (ACSP), para tratar de um nó difícil de desatar na economia brasileira: o crédito para micro e pequenas empresas (MPEs).    

A partir das 9 horas, no edifício-sede da ACSP no centro da capital paulista, o seminário “Crédito para micro e pequenas empresas” possibilitará um debate sobre a necessidade de financiamento para as MPEs.

80% delas não têm acesso a crédito, apesar de representarem 98,5% do total de empreendedores no Brasil, 27% do Produto Interno Bruto (PIB) e gerarem mais da metade dos empregos no País, segundo o Sebrae.

O evento terá palestras de João Manoel Pinho de Mello (secretário de Reformas Microeconômicas do Ministério da Fazenda), de Iágaro Jung Martins (auditor fiscal e subsecretário de fiscalização da Receita Federal), de Guilherme Castanho Franco Montoro (chefe do Departamento Regional Sul do BNDES), de Guilherme Afif Domingos (presidente do Sebrae), de Fernando Kalleder (diretor-presidente da CRDC), de Marcel Solimeo (economista da ACSP) e de Milton Luiz de Melo Santos (diretor-presidente da Desenvolve SP). A abertura será de Alencar Burti, presidente da ACSP e da Facesp.  

O evento é realizado pela ACSP e pela Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) com apoio do Sebrae e da CRDC. Programação completa: Site ACSP

CRDC

Para melhorar o ambiente creditício nacional por meio da qualificação de direitos creditórios (recebíveis) das empresas, a ACSP criou, em abril de 2016, a Central de Registro de Direitos Creditórios (CRDC).

Trata-se de uma plataforma tecnológica que garante a origem e a unicidade de recebíveis, objetivando a redução da assimetria de informação entre empresas e agentes financeiros e, assim, contribuindo para o aumento da oferta de recursos para as empresas.

Serviço
Seminário “Crédito para micro e pequenas empresas”
Dia: 1/9/2017 (sexta-feira)
Horário: das 8h30 às 12h30
Local: R. Boa Vista, 51, 9º andar – Centro – São Paulo/SP

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
--
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas