MP adia realização de assembleias de sócios, associados e acionistas

A medida também permite que votos em assembleias sejam feitos à distância

Redação DC
01/Abr/2020
  • btn-whatsapp

O governo permitiu que as assembleias gerais ordinárias de sócios, associados e acionistas sejam adiadas por até sete meses após o término dos exercícios sociais das companhias abertas ou fechadas, sociedade anônima, limitada e cooperativas. A possibilidade consta da Medida Provisória nº 931, de 30 de março.

A MP também permite que, em companhias abertas ou fechadas, sociedade anônima, limitada e cooperativas, os sócios, associados e acionistas votem à distância em assembleia geral, com autorização prévia dos respectivos órgãos responsáveis.

A medida veio atender ao pedido de empresas que estão atentas às recomendações de isolamento social diante da pandemia de coronavírus.

O texto diz ainda que, de maneira excepcional, ao longo do exercício de 2020, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) poderá prorrogar os prazos estabelecidos na lei 6.404. O regulador também poderá definir a data de apresentação das demonstrações financeiras das companhias abertas.

A exigência de arquivamento prévio de ato para a realização de emissões de valores mobiliários e para outros negócios jurídicos fica suspensa a partir de 1º de março de 2020 e o arquivamento deverá ser feito na junta comercial respectiva no prazo de trinta dias, contado da data em que a junta comercial restabelecer a prestação regular dos seus serviços.

Além disso, o conselho de administração de empresas públicas ou de economia mista e suas subsidiárias poderá deliberar assuntos urgentes de competência da assembleia geral, que deverá ser ratificado por assembleia posteriormente.

VEJA A ÍNTEGRA DA MP nº 931  

 

IMAGEM: Pixabay

 

 

 

 

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
1,1007
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas