ACSP: confiança do consumidor sobe 0,9% em novembro, 6ª alta seguida

O maior otimismo do consumidor faz a Associação Comercial de São Paulo projetar alta de 2% nas vendas do varejo nacional em 2023

Redação DC
06/Dez/2023
  • btn-whatsapp
ACSP: confiança do consumidor sobe 0,9% em novembro,  6ª alta seguida

O otimismo do consumidor melhora gradualmente. Em novembro, o  Índice Nacional de Confiança (INC), elaborado para a Associação Comercial de São Paulo (ACSP), avançou 0,9% na comparação com outubro, chegando aos 111. Foi o sexto mês seguido de alta do indicador.  

Em relação a novembro de 2022, a alta foi de 5,7%. A sondagem foi realizada com uma amostra de 1.750 famílias, a nível nacional, residentes em capitais e cidades do interior. O INC varia de zero a 200 pontos, sendo que pontuações acima de 100 são consideradas positivas.

Ulisses Ruiz de Gamboa, economista da ACSP, diz que a melhora da confiança está ligada ao avanço da ocupação e da renda e à redução dos juros. “Esses fatores permitem projetar um crescimento das vendas do varejo de 2,0% ao final do ano.” 

No recorte por classes socioeconômicas, houve elevação do INC para as classes AB e C e estabilidade para os entrevistados pertencentes à classe DE. 

Ruiz de Gamboa explica que houve uma leve diminuição na disposição dos entrevistados para adquirir itens mais caros, como carros e casas, assim como uma redução da porcentagem de famílias interessadas em comprar bens duráveis e na disposição para investir. “No entanto, em todos esses casos, a maioria ainda expressa a intenção de compra e realizar investimento.”

Nas regiões, os resultados foram heterogêneos, com aumentos da confiança do consumidor nas regiões Sul e Nordeste, queda no Centro-Oeste e estabilidade no Norte e Sudeste.

 

IMAGEM: Vivi Andreani/DC

Store in Store

Carga Pesada

Vídeos

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

Novos tempos, velhas crises

Confira como foi o 4° Liberdade para Empreender

Colunistas