Produção industrial cai 1,1% em 2019, diz IBGE

Um dos responsáveis pela queda de 2019 foi o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG), que teve impacto importante na indústrias extrativas

Redação DC
04/Fev/2020
  • btn-whatsapp

A produção industrial caiu 0,7% em dezembro ante novembro, na série com ajuste sazonal, divulgou nesta terça-feira, 4/02, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação a dezembro de 2018, a produção caiu 1,2%. No ano de 2019, a indústria teve queda de 1,1%.

Segundo o gerente da pesquisa, André Macedo, um dos responsáveis pela queda de 2019 foi o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG), que teve impacto importante na indústrias extrativas.

Mas esse não foi o único motivo para a queda. Dezesseis das 26 atividades industriais pesquisadas tiveram queda no ano. “A produção industrial pode estar sendo impactada pelas incertezas no ambiente externo e também pela situação do mercado de trabalho no país que, embora tenha tido melhora, ainda afeta a demanda doméstica”, explica Macedo.

A produção da indústria de bens de capital caiu 8,8% em dezembro ante novembro. Na comparação com dezembro de 2018, o indicador diminuiu 5,9%. No ano de 2019, houve redução de 0,4% na produção de bens de capital.

Em relação aos bens de consumo, a produção registrou queda de 1,4% na passagem de novembro para dezembro. Na comparação com dezembro de 2018, houve elevação de 1,3%. No ano de 2019, a produção de bens de consumo subiu 1,1%.

Na categoria de bens de consumo duráveis, a produção recuou 2,7% em dezembro ante novembro. Em relação a dezembro de 2018, houve aumento de 1,6%. Em 2019, a produção cresceu 2,0%.

Entre os semiduráveis e os não duráveis, houve redução de 1,4% na produção em dezembro ante novembro. Na comparação com dezembro do ano anterior, a produção subiu 1,2%. No ano, houve aumento de 0,9%.

Para os bens intermediários, o IBGE informou que a produção subiu 0,1% em dezembro ante novembro. Em relação a dezembro do ano passado, houve uma queda de 2,1%. No ano, os bens intermediários tiveram redução de 2,2%.

O índice de Média Móvel Trimestral da indústria registrou queda de 0,5% em dezembro.

 

IMAGEM: Thinkstock

 

 

 

 

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
1,1007
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas