Os planos de Elon Musk para o Twitter

Maior liberdade de expressão, monetização de conteúdos e transparência ao algoritmo são algumas das mudanças esperadas na rede social sob comando do empreendedor milionário

Mariana Missiaggia
26/Abr/2022
  • btn-whatsapp
Os planos de Elon Musk para o Twitter

Após dias de negociações, Elon Musk, empreendedor e fundador da SpaceX, comprou o Twitter por U$ 44 bilhões. Com isso, a rede social passa a ser uma empresa privada, de capital fechado, após nove anos atuando com o capital aberto.

O valor da negociação é muito acima do que foi pago em transações similares anteriores. A compra do WhatsApp pelo Facebook, em 2014, por exemplo, movimentou U$ 22 bilhões.

Sob o comando do homem mais rico do mundo, segundo ranking da Forbes, o Twitter já ultrapassa os 217 milhões de usuários diários e monetizáveis, ou seja, contas que estão aptas a visualizarem anúncios ou produtos pagos da empresa, como assinaturas.

Musk tem defendido uma série de mudanças na plataforma e ao anunciar a aquisição comentou sobre a importância da liberdade de expressão na plataforma.

"Quero transformar o Twitter em algo melhor com novos recursos, tornando os algoritmos em código aberto para melhorar confiança, atacando robôs de spam e autenticando todos os humanos. O Twitter tem imenso potencial – e eu estou ansioso para trabalhar com a companhia e a comunidade usuários para destravar isso”, afirmou Musk em comunicado.

Veja as possíveis mudanças que podem surgir na plataforma, segundo especialistas:

AVANÇO DE VERIFICAÇÃO

Outra meta de Musk ao comprar o Twitter é reduzir a atuação na plataforma de perfis automatizados, conhecidos como bots (de "robots", ou robôs, na tradução para o português).

Há ainda a promessa de ampliar a verificação de perfis de pessoas reais. No processo de verificação, a rede social pede documentos e dados para provar que uma pessoa é ela mesma, conferindo um selo azul para as páginas verificadas, que passam a gozar de maior credibilidade com isso.

MONETIZAÇÃO

Com o entusiasmo de Musk por criptomoedas, analistas avaliam que ele também deve impulsioná-las na rede social e dainte do avanço da monetização, quem tem mais dinheiro ganha - como ocorre, por exemplo, no Facebook e no YouTube.

ALGORITMO

Musk tem prometido abrir o algoritmo do Twitter, dando transparência à tecnologia usada para personalizar o conteúdo exibido para cada usuário.

Em seu discurso, o empreendedor aponta que essa ação deve ser tornada de forma transparente para que todos possam ver que ação foi tomada, e que não haja manipulação nos bastidores, seja algorítmica ou manualmente.

MODERAÇÃO DE CONTEÚDO

Em março, após a invasão da Ucrânia pela Rússia, o bilionário disse ter recusado pressões de governos para que sua empresa de internet por satélite Starlink bloqueasse conteúdo de veículos de imprensa russos. Esse comportamento já dá indícios dos rumos que sua gestão seguirá ao lidar com o teor dos conteúdos twitados.

Por outro lado, a aquisição gera grande expectativa sobre o que veremos exposto na rede. Críticos avaliam a possibilidade de que ele possa afrouxar os mecanismos de moderação de conteúdo como uma espécia de incentivo e maior espaço à proliferação de discursos de ódio e a conteúdo extremista hoje barrado pelas regras da plataforma.

"A liberdade de expressão é a base de uma democracia em funcionamento e o Twitter é a praça da cidade digital onde assuntos vitais para o futuro da humanidade são debatidos", diz outra postagem de Musk na plataforma.

FOTO: Divulgação

 

 

 

 

 

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Abr
Mai
Jun
IGP-M
1,1466
1,1072
1,1070
IGP-DI
1,1353
1,1056
--
IPCA
1,1213
1,1173
--
IPC-Fipe
1,1226
1,1227
--

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Mar
Abr
Mai
Demanda por crédito
0,6%
-4,3%
-2,1%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
-1%
1,1%
1,5%
Inadimplência do consumidor
5,1%
5,0%
7,5%
Recuperação de crédito
6,4%
1,8%
-5,6%
mais índices

Vídeos

O advogado Igor Nascimento Souza fala sobre o Fiagro

O advogado Igor Nascimento Souza fala sobre o Fiagro

2º Encontro "Liberdade para Empreender”

SOS Empreendedores - Crédito e negociação de dívidas

Colunistas