Magazine Luiza entra no segmento de publicidade on-line

Com aquisição das companhias Canaltech e Inloco Media, empresa pretende ampliar alcance da divulgação dos produtos disponíveis na plataforma do Magalu e monetizar audiência dos sellers

Redação DC
06/Ago/2020
  • btn-whatsapp

A Magazine Luiza anunciou nesta quinta-feira (06/08) a aquisição das empresas Unilogic Media Group e Canal Geek Internet Ltda (Canaltech) e da plataforma Inloco Media, unidade de negócio da empresa Inloco Tecnologia da Informação focada na comercialização de publicidade digital.

Sem revelar o valor do negócio, a empresa ressalta em comunicado ao mercado que as transações marcam sua entrada no segmento de publicidade on-line. A ideia é, com o conteúdo do Canaltech e a tecnologia da Inloco Mídia, monetizar essa audiência, segundo Frederico Trajano, CEO do Magalu.

"A união de e-commerce, conteúdo e publicidade é um negócio em expansão em todo o mundo. Queremos fazer parte dele e, assim, oferecer novos serviços aos nossos sellers. Nossa plataforma tem tudo para ser uma das maiores e mais eficientes do mercado."

LEIA MAIS:  Os conselhos de Luiza Trajano aos pequenos negócios

O Canaltech, de acordo com a Magazine Luiza, é uma das maiores plataformas multimídia do país com foco na produção de conteúdo de tecnologia em texto, áudio e vídeo, incluindo análises de produtos, podcasts, temas corporativos e cobertura do noticiário diário. O portal atinge mensalmente 24 milhões de visitantes únicos.

Juntos, os canais digitais de Magalu, Netshoes, Zattini, Estante Virtual, Época e, agora, Canaltech, somam 210 milhões de visitas mensais, segundo a ferramenta de medição Similarweb. No total, serão cerca de 80 milhões de visitantes únicos mensais.

A partir de agora, por meio do Magalu Ads, os parceiros do Magalu poderão expor seus produtos nesses sites por meio de e-commerce content e de publicidade nativa.

Com a solução de localização da Inloco, o seller poderá oferecer seus produtos para clientes que estejam próximos de sua região, reduzindo custos de frete e prazos de entrega. Para lojistas incluídos no Parceiro Magalu - pequenas empresas, ainda essencialmente digitais - a plataforma de geolocalização promove a captação de clientes para as lojas físicas. Já o Canaltech une conteúdo e ofertas diretamente ligadas aos interesses de audiências específicas - uma tendência batizada de e-commerce content.

SUPERAPP

A aquisição do Canaltech e da plataforma de mídia da InLoco - segundo movimento anunciado pelo Magalu em uma semana - reforça o pilar estratégico batizado de Magalu ao Seu Serviço, um conjunto de soluções colocadas à disposição dos parceiros e que é fundamental para o propósito da companhia: a digitalização do varejo brasileiro. No fim de julho, o Magalu anunciou a compra da Hubsales, startup que conecta fabricantes a consumidores finais.  

A entrada do Magalu no mercado de ads também fortalece a estratégia de superapp da empresa. Segundo a consultoria americana eMarketer, em 2020, dois terços de todo o investimento mundial em publicidade programática serão destinados a anúncios para celular.  

E, de acordo com estudo da agência americana de publicidade Adyoulike, o mercado global de publicidade nativa deve crescer 372%, entre 2020 e 2025 - passando dos atuais 85,8 bilhões para 402 bilhões de dólares. 

FOTO: Reprodução do site                             *Com informações do Estadão Conteúdo          

 

 

 

 

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
1,1007
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas