Economia paulista encolhe 2,4% em agosto sobre julho

Na comparação com o ano passado, retração é de 6,9%, de acordo com a Fundação Seade

Estadão Conteúdo
22/Out/2015
  • btn-whatsapp
Economia paulista encolhe 2,4% em agosto sobre julho

A economia do Estado de São Paulo, que representa 28% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, apresentou contração de 2,4% em agosto ante julho, de acordo com relatório do PIB mensal divulgado, nesta quinta-feira (22/10), pela Fundação Seade.

Nesta comparação, a indústria teve queda de 1,9% e o setor de serviços, de 2,6%. O setor agropecuário registrou crescimento de 2,7%, no período.

Em relação a agosto do ano passado, o PIB paulista registrou baixa de 6,9%. No resultado por setor, a indústria teve queda de 11,3% e o setor de serviços, de 5,5%. O setor agropecuário avançou 6,8%.

No acumulado dos oito primeiros meses do ano, a atividade econômica do Estado apresentou declínio de 4,2% contra igual período de 2014, com queda de 7,7% da indústria e de 2,6% em serviços. Novamente, a agropecuária foi a exceção, com crescimento de 5,4%. Nos 12 meses encerrados em agosto, o Estado acumula retração de 3,7%.

Em nota, a Fundação Seade afirmou que a economia paulista, por ser a maior entre os Estados brasileiros, é fortemente dependente das diretrizes nacionais de política econômica e está mais exposta ao desempenho das commodities.

"A queda de desempenho da economia paulista foi influenciada, inicialmente, pelas condições macroeconômicas desfavoráveis à indústria", informou a instituição.

Fonte: Thinkstock

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Fev
Mar
Abr
IGP-M
1,1612
1,1477
1,1466
IGP-DI
1,1535
1,1557
1,1353
IPCA
1,1054
1,1130
1,1213
IPC-Fipe
1,1033
1,1096
1,1226