Custo de vida na cidade de São Paulo fica estável

Nos dez grupos analisados, as maiores altas ocorreram nos setores de habitação, educação e leitura e transporte

Agência Brasil
06/Set/2017
  • btn-whatsapp
Custo de vida na cidade de São Paulo fica estável

Em agosto, o Índice do Custo de Vida (ICV) na cidade de São Paulo ficou estável na comparação com julho. Houve um leve recuo de 0,01%. Entre setembro do ano passado e agosto deste ano, a taxa subiu 1,71%, enquanto que, nos primeiros sete meses do ano, o índice acumula alta de 0,91%.

O ICV foi divulgado hoje (6/9) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Dos dez grupos analisados pelo Dieese foram observadas altas nos setores de habitação (0,08%), educação e leitura (0,15%), despesas diversas (1,26%) e transporte (2,76%), puxado principalmente pelo aumento no preço do combustível. Os recuos ocorreram nos grupos alimentação (-1,20%), vestuário (-0,71%), despesas pessoais (-0,39%), equipamento doméstico (-0,38%) e recreação (-0,19%). O grupo saúde ficou estável.

FOTO: Thinskstock

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Fev
Mar
Abr
IGP-M
1,1612
1,1477
1,1466
IGP-DI
1,1535
1,1557
1,1353
IPCA
1,1054
1,1130
1,1213
IPC-Fipe
1,1033
1,1096
1,1226