Economia

Taxa básica de juros é reduzida para 2% ao ano


A Selic está no menor nível desde o início da série histórica do Banco Central, em 1986


  Por Redação DC 05 de Agosto de 2020 às 18:26

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


O Banco Central (BC) diminuiu os juros básicos da economia pela nona vez seguida. O Comitê de Política Monetária (Copom) reduziu a taxa Selic para 2% ao ano, com corte de 0,25 ponto percentual. A decisão era esperada pelos analistas financeiros.

Com a decisão, a Selic está no menor nível desde o início da série histórica do Banco Central, em 1986. De outubro de 2012 a abril de 2013, a taxa foi mantida em 7,25% ao ano e passou a ser reajustada gradualmente até alcançar 14,25% ao ano em julho de 2015.

Em outubro de 2016, o Copom voltou a reduzir os juros básicos da economia até que a taxa chegasse a 6,5% ao ano em março de 2018, só voltando a ser reduzida em julho de 2019.

POSIÇÃO ACSP

Para Alfredo Cotait, presidente da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), a decisão do Copom de reduzir a taxa básica de juros de 2,25% ao ano, para 2%, é compatível com a realidade econômica atual.

“A inflação está sob controle e o ritmo da economia ainda é extremamente lento, assim, a redução dos juros é um estímulo a mais para a retomada”, diz Cotait.

Vale lembrar que quando a Selic está em patamar baixo, o custo do crédito, que é fundamental para dar fôlego às empresas e estimular o consumo, também é reduzido.

 

IMAGEM: Thinkstock