Vendas do varejo sobem 0,9% em abril ante março, diz IBGE

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 2,3% no ano e já estão 4,0% acima do nível pré-pandemia

Estadão Conteúdo
10/Jun/2022
  • btn-whatsapp

As vendas do comércio varejista subiram 0,9% em abril ante março, na série com ajuste sazonal, informou nesta sexta-feira, 10/06, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação com abril de 2021, sem ajuste sazonal, as vendas do varejo tiveram alta de 4,5% em abril de 2022. 

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 2,3% no ano, que tem como base de comparação o mesmo período do ano anterior. Em 12 meses, houve alta de 0,8%.

Quanto ao varejo ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, as vendas subiram 0,7% em abril ante março, na série com ajuste sazonal. Na comparação com abril de 2021, sem ajuste, as vendas do varejo ampliado tiveram alta de 1,5% em abril de 2022.

As vendas do comércio varejista ampliado acumularam alta de 1,4% no ano e aumento de 2,2% em 12 meses.

SEGMENTOS

A melhora no desempenho do varejo na passagem de março para abril fez o volume de vendas ficar 4,0% acima do nível de fevereiro de 2020, no pré-pandemia. No varejo ampliado, as vendas operam 1,6% acima do pré-pandemia.

 
Os segmentos de artigos farmacêuticos, material de construção, outros artigos de uso pessoal e doméstico e supermercados estão operando acima do patamar pré-crise sanitária.
 
O segmento de artigos farmacêuticos opera em patamar 17,7% acima do pré-crise sanitária; material de construção, 9,1% acima; outros artigos de uso pessoal e domésticos, 7,3% acima; e supermercados, 1,4% acima.
 
Os veículos estão 5,1% aquém do nível de fevereiro de 2020; móveis e eletrodomésticos, 10,7% abaixo; vestuário, 8,6% abaixo; combustíveis, 1,9% abaixo; equipamentos de informática e comunicação, 11,7% abaixo; e livros e papelaria, 37,3% abaixo. 
 
MÉDIA MÓVEL TRIMESTRAL
 
O índice de média móvel trimestral das vendas do comércio varejista restrito teve alta de 1,2% em abril, conforme o IBGE.
 
No varejo ampliado, que inclui as atividades de veículos e material de construção, o índice de média móvel trimestral das vendas registrou elevação de 1,1% em abril.
 
 
IMAGEM: Paulo Pampolin/DC

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
--
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas