Sinal de 4G deve melhorar em São Paulo

Anatel libera frequência que possibilita transmissão de banda larga móvel com maior velocidade na região metropolitana

Agência Brasil
24/Jul/2018
  • btn-whatsapp
Sinal de 4G deve melhorar em São Paulo

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) autoriza nesta terça-feira (24/08) o uso da frequência de 700 mega-hertz (MHz) na região metropolitana de São Paulo (SP). A liberação permitirá que as operadoras melhorem o sinal de 4G, na região, uma vez que a faixa possibilita a transmissão da banda larga móvel com maior velocidade.

Segundo a Anatel, a transmissão de dados será multiplicada em três vezes, chegando a 45 megabits.

Além de São Paulo, os municípios de Santo André, São Bernardo e São Caetano do Sul também terão a frequência liberada. A medida também permitirá a ampliação da oferta de novas tecnologias, como o VoLTE, que permite fazer ligações na rede móvel de quarta geração.

A faixa de 700 MHz era usada para a transmissão do sinal analógico de TV. Com o desligamento do sinal analógico, ainda é necessário um período para a eliminação de interferências de radiofrequência.

LEIA MAIS: Puxado pelos celulares, acesso à internet cresce nos lares brasileiros

A decisão sobre a liberação da faixa foi tomada no final de maio. Na ocasião, o uso da faixa de frequência de 700 MHz para transmissão do serviço móvel em quatro regiões: São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), e Porto Alegre (RS).

De acordo com a Anatel, a cidade de São Paulo está sendo liberada depois da realização de uma campanha de mitigação preventiva, na qual a população foi informada sobre como agir em caso de interferência do sinal da banda larga móvel na TV aberta digital. O período de mitigação dura em média 30 dias, segundo a agência.

No país, 3.803 municípios estão aptos a usar o 4G nessa faixa de frequência, o que totaliza cerca de 68% do total de municípios. Entre as capitais, apenas em Florianópolis (SC), não foi liberado o uso da faixa, por ainda se encontrar em processo de mitigação.

IMAGEM: Thinkstock

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Fev
Mar
Abr
IGP-M
1,1612
1,1477
1,1466
IGP-DI
1,1535
1,1557
1,1353
IPCA
1,1054
1,1130
1,1213
IPC-Fipe
1,1033
1,1096
1,1226