Recuperação de crédito cai 4,1% em fevereiro

Indicador da Boa Vista aponta queda de 0,6% no acumulado em 12 meses

Redação DC
20/Mar/2019
  • btn-whatsapp

O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base da Boa Vista – registrou em fevereiro redução de 4,1% contra janeiro, de acordo com dados dessazonalizados.

O indicador também apontou queda de 0,6% no acumulado em 12 meses (março de 2018 até fevereiro de 2019 ante 12 meses antecedentes). Na comparação com o mesmo mês de 2018 houve diminuição de 6,9%.

Em termos regionais, o acumulado em 12 meses apresentou alta apenas na região Sul (3,1%). Em sentido oposto, a região Centro-Oeste foi o principal desempenho negativo (-3,8%), seguido do Norte (-3,5%), Nordeste (-2,8%) e Sudeste (-0,2%).

Os últimos resultados do indicador de recuperação de crédito revelam o início de um processo de estabilização da inadimplência, após longo período de queda.

LEIA MAIS: Mercado de crédito: reformas e revolução

Ainda assim, espera-se que com a diminuição da desocupação e evolução na renda, as famílias encontrem situação financeira mais favorável, que permitirá uma evolução mais consistente no indicador em 2019.

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
--
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas