José Mauro Coelho pede demissão da presidência da Petrobras

A estatal informou que o diretor de Exploração e Produção, Fernando Borges, ficará como presidente interino

Redação DC
20/Jun/2022
  • btn-whatsapp

*com agências

A Petrobras informou nesta segunda-feira, 20/06, que José Mauro Coelho pediu demissão do cargo de presidente da empresa e renunciou ao cargo de membro do Conselho de Administração da estatal.

A estatal informou que o diretor de Exploração e Produção da Petrobras, Fernando Borges, ficará como presidente interino da estatal após a saída de Coelho.

Agora, o Conselho de Administração da empresa terá que se reunir para nomear o indicado do governo, Caio Paes de Andrade, como membro do Conselho para que ele possa assumir a presidência e promover mudanças na diretoria, como quer o presidente Jair Bolsonaro.

No dia 23 de maio, o Ministério de Minas e Energia informou que o governo federal, como acionista controlador da Petrobras, tinha decidido pela troca do presidente da estatal.

À época, o governo anunciou que José Mauro Coelho, que assumiu o cargo no dia 14 de abril, seria substituído por Caio Mário Paes de Andrade.

 

IMAGEM: Valter Campanato/Agência Brasil

Store in Store

Carga Pesada

Vídeos

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

Novos tempos, velhas crises

Confira como foi o 4° Liberdade para Empreender

Colunistas