Inove ‘comendo pelas beiradas’

Existem oportunidades de inovação fora do core business das empresas e a disrupção ocorre como algo que complementa o modelo de negócio principal

Elton Monteiro
19/Jun/2020
  • btn-whatsapp

Um amigo mineiro me contou que ainda vai escrever um livro sobre negócios somente com ditados populares, especialmente os da sua terrinha. Apesar da bem-humorada intenção, podemos, de fato, observar que tem muita sabedoria em diversas frases e expressões.

Uma delas, que me chamou atenção recentemente, é a que mineiro gosta de “comer pelas beiradas" e agir desta forma pode ser muito positivo para inovação e disrupção de negócios.

Uma característica interessante observada em muitos empreendedores da terra do pão de queijo e que, certamente, ajudaram Belo Horizonte a se tornar a capital nacional das Startups.

O conceito por trás de inovações bem-sucedidas é que existem muitas oportunidades de inovação fora do core business das empresas e a disrupção ocorre como algo que complementa o modelo de negócio principal. Um bom exemplo disso é o que vem acontecendo com grandes empresas de tecnologia e a possibilidade de uma atuação cada vez mais ampla.

O WhatsApp, por exemplo, acaba de liberar a função para envio de dinheiro pelo aplicativo, uma função adjacente, que pode se tornar muito poderosa e rentável, mas que só existe em conjunto com o produto principal, baseado em comunicação.

LEIA MAIS: Comerciante já pode receber pagamento via WhatsApp

Esse é apenas um exemplo, mas que mostra uma tendência muito forte das principais companhias quando o assunto é inovação.

No mundo real, de pequenas empresas e negócios tradicionais, “comer pelas beiradas” pode ser uma grande oportunidade também para inovação, mas, para isso, é necessário ampliar o olhar para além das questões mais óbvias do negócio.

 

IMAGEM: Pixabay

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Fev
Mar
Abr
IGP-M
1,1612
1,1477
1,1466
IGP-DI
1,1535
1,1557
1,1353
IPCA
1,1054
1,1130
1,1213
IPC-Fipe
1,1033
1,1096
1,1226