Fórum de Jovens Empreendedores da ACSP chega aos 40 anos

Lideranças empresariais e políticas, como Álvaro Schocair, Gilberto Kassab e Guilherme Afif, idealizador do Fórum, compartilharam suas experiências como gestores e empreendedores

Rebeca Ribeiro
11/Jun/2024
  • btn-whatsapp
Fórum de Jovens Empreendedores da ACSP chega aos 40 anos

Na última segunda-feira (10), o Fórum de Jovens Empreendedores (FJE), da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), celebrou seus 40 anos, reforçando seu compromisso de incentivar jovens a conhecerem mais sobre o empreendedorismo.

O evento contou com a participação de figuras importantes do cenário empresarial e político, como o presidente da ACSP, Roberto Mateus Ordine; o presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), Alfredo Cotait Neto; o coordenador do FJE, Wilson Victorio Rodrigues; além de representantes do governo paulista, como Guilherme Afif Domingos e Gilberto Kassab, e o ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil em São Paulo (OAB/SP), Luiz Flávio Borges D’Urso, todos ex-membros do FJE.

Criado em 1984 por Guilherme Afif, quando esteve à frente da ACSP, o Fórum surgiu para dar voz aos jovens empreendedores. Era uma espécie de incentivo para que os mais jovens adentrassem o mundo dos negócios e se tornassem lideranças.

“Os mais velhos têm algo que os jovens não têm, que é a visão estratégica, enquanto os jovens têm algo que os mais velhos não têm, que é o domínio da tecnologia. Por isso, a convivência entre os dois é fundamental para orientar o rumo das coisas como elas devem ser”, disse Guilherme Afif, atualmente secretário de Projetos Estratégicos do Governo do Estado de São Paulo.

Ao promover essa interação entre pessoas mais experientes e jovens que estão ingressando no empreendedorismo, o Fórum possibilita que os jovens adquiram experiências valiosas para lidar com adversidades, além de terem a oportunidade de conhecer lideranças já consolidadas. 

Exemplos disso são Gilberto Kassab, secretário de Governo e Relações Institucionais do Estado de São Paulo, e Luiz Flávio Borges D’Urso, que compartilharam suas vivências como membros do FJE e destacaram a importância do Fórum em suas trajetórias profissionais.

"É um fórum que nasceu vitorioso, com uma primeira turma que conduz todas as ações necessárias para promover a livre iniciativa", disse Ordine, destacando a importância da educação para a economia. 

Os jovens de hoje serão os futuros líderes e empreendedores de amanhã. Por isso, Wilson  Rodrigues lembrou a importância de se investir em educação. “Não há caminho para a educação; a educação é o caminho.”

Empreendedores do Futuro - Homenageado pelo Fórum de Jovens Empreendedores, Álvaro Schocair, CEO da Link School of Business, escola que profissionaliza empreendedores, compartilhou que desde novo sempre teve vontade de ser rico. Mas apenas quando foi estagiário na Suzano que surgiu a vontade de abrir seu próprio negócio, ao perceber que não se encaixava no mundo executivo.

Assim, se aventurou no empreendedorismo, fundou um marketplace para o setor químico, junto com três amigos, ainda na faculdade. Com 21 anos, recém-formado, recebeu a proposta de vender a plataforma por R$ 9,6 milhões. “Essa experiência me mostrou que ao empreender é preciso acertar uma única vez. Você pode errar várias, mas se acertar uma única vez, você vai ter reconhecimento e o sentimento de ter construído algo útil”, disse Schocair.

Em seguida, fundou uma gestora chamada Tarpon Investimentos, melhor fundo de ações entre os anos de 2002 e 2004, sendo considerada por muitos fenômenos do mercado financeiro. Porém, em 2005, após uma crise, quase quebrou. Então, Schocair e seus sócios foram para os Estados Unidos visitar fundos de investimento, onde conseguiram captar US$ 176 milhões. “Isso me ensinou uma segunda lição: não existem condições normais de pressão e temperatura”, disse Schocair.

Ele lembrou que sempre haverá adversidades, principalmente para quem está empreendendo, mas que é preciso ter estratégias para superar os obstáculos. “Se você tem a ideia de algum produto, tenha também em mente quem o irá auxiliar com esse projeto, isso é fundamental”, afirmou.

Além disso, Schocair destacou a importância das ações, de estar disposto a fazer a diferença, independentemente de onde esteja, ou com quem esteja falando. Para ele, construir conexões que aprimorem as pessoas é fundamental para o sucesso de qualquer negócio.

 

IMAGEM: Cesar Bruneli/ACSP

Store in Store

Carga Pesada

Vídeos

Conheça os projetos que buscam requalificar o Centro de SP

Conheça os projetos que buscam requalificar o Centro de SP

Conheça os projetos que buscam requalificar o Centro de SP

Os impactos da IA no mercado de trabalho