Facesp inicia plano de fortalecimento das associações comerciais

Desenvolvido por Natanael Miranda (foto), superintendente-geral da Facesp, o plano pretende melhorar a gestão e performance das associações

Cleber Lazo
06/Abr/2021
  • btn-whatsapp
Facesp inicia plano de fortalecimento das associações comerciais

A Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) vai dar início ao Plano de Fortalecimento (PFor) da sua rede, com a capacitação de agentes de desenvolvimento regional.

O PFor vai oferecer condições econômicas e estruturais para que as Associações Comerciais menores possam crescer e se desenvolver, a partir de dois eixos de atuação: melhoria no desempenho dos serviços oferecidos pela entidade, por meio da rede Facesp, e a defesa institucional dos interesses dos empreendedores locais, aspecto que se tornou ainda mais importante diante do enfrentamento da crise econômica causada pela covid-19.

Os agentes de desenvolvimento terão como missão auxiliar os executivos e os presidentes das ACs a melhorarem a gestão e a performance das entidades. Cada Região Administrativa (RA) da Facesp contará com um agente de desenvolvimento, que atuará em parceria com o vice-presidente da RA.

A capacitação dos agentes será on-line. Ela teve início na tarde desta terça-feira, 6/04, e seguirá até 12/04. Durante o treinamento, os produtos e serviços do portfólio da Facesp serão detalhados, assim como o funcionamento do programa de Pesquisa de Desenvolvimento Organizacional (PDO) e demais informações.

Entre as atividades a serem desenvolvidas pelo agente, estão: promover a venda dos produtos e serviços constantes no portfólio da Facesp; identificar oportunidades de implantação de serviços e parcerias; apresentar relatório mensal individual das atividades nas ACs; entre outras.

CONTRAPARTIDAS

Duzentas e quarenta e quatro ACs, de um total de 420 entidades, são consideradas pequenas e, assim, poderão ser beneficiadas com o PFor.

Para fazer parte do Plano, contrapartidas serão solicitadas às Associações: o preenchimento da ferramenta de gestão PDO; estar adimplente com a Facesp e com a Boa Vista SCPC; e utilizar serviços da Boa Vista SCPC.

O Plano de Fortalecimento foi desenvolvido pelo superintendente-geral da Facesp, Natanael Miranda dos Anjos. Durante a elaboração do projeto, Natanael contou como apoio de um grupo de trabalho formado pelo presidente da Federação, Alfredo Cotait Neto, e por vice-presidentes.

Na manhã desta terça-feira, o superintendente-geral apresentou, durante reunião on-line, o PFor aos vice-presidente recém-empossados.

 

IMAGEM: Patricia Cruz

 

 

 

 

 

 

Indicadores de Crédito da Boa Vista

Índice
Mar
Abr
Mai
Demanda por crédito
0,6%
-4,3%
--
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
-1%
1,1%
--
Inadimplência do consumidor
5,1%
5,0%
7,5%
Recuperação de crédito
6,4%
1,8%
-5,6%
mais índices

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mar
Abr
Mai
IGP-M
1,1477
1,1466
1,1072
IGP-DI
1,1557
1,1353
1,1056
IPCA
1,1130
1,1213
1,1173
IPC-Fipe
1,1096
1,1226
1,1227

Vídeos

O advogado Igor Nascimento Souza fala sobre o Fiagro

O advogado Igor Nascimento Souza fala sobre o Fiagro

2º Encontro "Liberdade para Empreender”

SOS Empreendedores - Crédito e negociação de dívidas

Colunistas