Dia das Mães faz pequenos lojistas on-line faturarem 33% a mais que em 2022

Dados da Nuvemshop apontam que comércio virtual movimentou R$ 189,5 milhões no período. Foram mais de 3 milhões de itens comercializados nas três semanas que antecederam a data, a um tíquete médio de R$ 249,60

Redação DC
16/Mai/2023
  • btn-whatsapp
Dia das Mães faz pequenos lojistas on-line faturarem 33% a mais que em 2022

Os pequenos e médios lojistas movimentaram R$ 189,5 milhões em vendas digitais no período relacionado ao Dia das Mães, número 33% maior em relação a igual período de 2022, quando faturaram R$ 142 milhões. Os dados são do levantamento realizado pela Nuvemshop, plataforma para criação de lojas online considerada líder na América Latina.

Durante os dias que antecedem a data, as lojas on-line comercializaram mais de 3 milhões de itens, quantidade 23,6% superior ao registrado em 2022. Já o número de pedidos on-line chegou a 759,5 mil (31%), com uma média de 4 produtos por pedido. Do total, cerca de 28% das vendas foram enviadas com frete grátis. Já o ticket médio nacional chegou a R$ 249,60.

“O Dia das Mães é uma das datas mais importantes para o varejo, e os pequenos negócios on-line utilizaram campanhas específicas para a data, a fim de alcançar novos clientes e aumentar seu faturamento anual”, diz Babi Tonhela, especialista em e-commerce da Nuvemshop.

Moda foi o segmento que mais se destacou, faturando mais de R$ 68 milhões, seguido por Saúde & Beleza (R$ 16 milhões), Acessórios (R$ 13,7 milhões) e Casa & Jardim (R$ 8 milhões).

Já os produtos mais vendidos foram vestido preto, camiseta, porta-óculos e óculos de sol. Dentre os meios de pagamento, o cartão de crédito (51%) e o PIX (35,5%) foram os mais utilizados. Além disso, 77% das vendas foram realizadas por meio de dispositivos móveis.

Para o levantamento de dados, foram consideradas as vendas realizadas nas três semanas de 2022 e 2023 que antecedem o Dia das Mães, com base nos lojistas brasileiros da Nuvemshop.

APROVEITANDO PARA FATURAR MAIS

Renata e Maria Teresa Aramuni, irmãs e proprietárias da Cleusa Boutique, loja online de moda focada em mulheres maduras (com mais de 55 anos), reforçam que o Dia das Mães é o período de vendas mais importante do ano.

“A maioria das nossas clientes já é inclusive avó. Além de receberem presentes, aproveitam esta época para comprar para elas mesmas. Por isso, buscamos sempre trazer coleções novas com qualidade e conforto que atendem às especificidades da nossa clientela”, conta Renata.

O empreendimento foi criado pelos pais, Cleusa e Ernesto, há mais de cinquenta anos, e hoje em dia as filhas estão à frente dos negócios. Com o início da pandemia e o fechamento de lojas físicas, as empreendedoras precisaram buscar no ambiente on-line uma forma de expandir a atuação da loja, que existe no mesmo endereço de Belo Horizonte (MG) desde 1971.

Em 2022, a loja faturou R$ 2,2 milhões com vendas online, vendendo mais de 10 mil produtos e aumentando seu faturamento em 73% no último ano. Só no período de Dia das Mães, as empreendedoras faturaram R$ 260 mil.

Por atenderem um público mais velho, muitos consultores acreditaram que a boutique não teria sucesso com o e-commerce, lembra Maria Tereza. Mas elas provaram o contrário. 

“Durante o distanciamento social, o meio digital foi um refúgio para muitas pessoas, inclusive para o nosso público. Apostamos em estratégias de fidelização e atendimento humanizado e, assim, conseguimos dobrar o nosso faturamento com o e-commerce”.

IMAGEM: Pixabay

Store in Store

Carga Pesada

Vídeos

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

Novos tempos, velhas crises

Confira como foi o 4° Liberdade para Empreender

Colunistas