Confiança de Serviços sobe 0,5 ponto em maio, diz FGV

O resultado foi influenciado pela melhora das expectativas, diferentemente do que vinha ocorrendo nos meses anteriores

Estadão Conteúdo
30/Mai/2023
  • btn-whatsapp
Confiança de Serviços sobe 0,5 ponto em maio, diz FGV

O Índice de Confiança de Serviços (ICS) subiu 0,5 ponto na passagem de abril para maio, na série com ajuste sazonal, o terceiro avanço seguido, para 92,9 pontos, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta terça-feira, 30/05.

Em médias móveis trimestrais, o índice aumentou 1,3 ponto. "Apesar da alta da confiança no setor de serviços, o índice vem desacelerando nos últimos dois meses. O resultado de maio foi influenciado pela melhora das expectativas, diferentemente do que vinha ocorrendo nos meses anteriores. Houve piora da percepção sobre a situação atual e pequena oscilação na demanda", avaliou Rodolpho Tobler, economista da FGV.

Ainda segundo ele, há resiliência do segmento de serviços prestados às famílias para os quais os consumidores ainda parecem sustentar a demanda. Para os próximos meses, Tobler disse que há uma redução do pessimismo que está relacionado a uma perspectiva de melhora do cenário econômico no segundo semestre do ano.

Em maio, o Índice de Situação Atual (ISA-S) recuou 1,4 ponto, para 93,4 pontos. O resultado foi puxado pelo componente de situação atual dos negócios, que caiu 2,5 pontos, para 92,7 pontos.

A avaliação sobre o volume de demanda atual teve ligeira queda de 0,3 ponto, para 94,0 pontos.

O Índice de Expectativas (IE-S) subiu 2,5 pontos, para 92,7 pontos. Houve crescimento de 3,3 pontos do componente de demanda prevista nos próximos três meses, para 92,6 pontos, além de uma alta de 1,4 ponto na tendência dos negócios nos próximos seis meses, para 92,7 pontos.

A coleta de dados para a edição de maio da Sondagem de Serviços foi realizada com 1.503 empresas entre os dias 3 e 26 do mês.

 

IMAGEM: Andrei Bonamin/DC

Store in Store

Carga Pesada

Vídeos

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

Novos tempos, velhas crises

Confira como foi o 4° Liberdade para Empreender

Colunistas