Com vendas em alta, Multiplan vê potencial para ampliar shoppings

Entre os empreendimentos que devem ter a área expandida estão o shopping Morumbi, hoje com 99,3% da área ocupada por lojistas, São Caetano (98,6%) e Jundiaí (98,6%)

Estadão Conteúdo
27/Out/2023
  • btn-whatsapp
Com vendas em alta, Multiplan vê potencial para ampliar shoppings

A Multiplan abriu a temporada de balanços de shoppings mostrando uma evolução significativa dos seus dados operacionais. A companhia reportou alta nas vendas, nos aluguéis e na ocupação dos empreendimentos.

Diante dos números robustos, a Multiplan vê a possibilidade de iniciar novos projetos de expansão da área dos seus shoppings, de forma a abrigar mais lojistas e diversificar o mix de atração para os consumidores.

"Vemos isso como uma tendência. Já lançamos as expansões dos shoppings Barigui e DiamondMall ao longo do ano e tem outras que nós consideramos fazer no curto prazo", disse o vice-presidente financeiro e de relações com investidores, Armando D'Almeida.

A ocupação média dos 20 shoppings que compõem o grupo subiu para 96,1% no terceiro trimestre, atingindo a marca de 96,4% no mês de setembro. Há casos de centros de compras quase sem espaço para chegada de novos lojistas. São eles: Morumbi (99,3% da área ocupada), São Caetano (98,6%) e Jundiaí (98,6%), que despontam como favoritos para crescer.

Todos já têm projetos que aumentariam a área de cada um em pelo menos 10%, o que poderia endereçar a demanda do varejo por espaços.

D'Almeida ponderou que a ocupação alta é um dos gatilhos, mas não o único fator para a tomada de decisão de crescimento. "Vemos também a necessidade de aprimorar o mix e trazer coisas novas. Para fazer mais do mesmo não compensa", diz.

Outra questão é o retorno da alocação de capital - algo que ainda é inibido pelos juros altos - e o cuidado com a alavancagem. Os investimentos da Multiplan somaram R$ 94 milhões no terceiro trimestre e R$ 363 milhões no acumulado de janeiro a setembro. Do total no ano, R$ 85 milhões foram para expansão e desenvolvimento de projetos.

E o número continuará crescendo. Neste mês de outubro, o conselho de administração da Multiplan autorizou a emissão de R$ 600 milhões em certificados de recebíveis imobiliários (CRIs). O dinheiro será usado para o crescimento das operações, disse D'Almeida.

Ainda segundo o executivo, o aumento das vendas ao longo do ano tem reforçado o otimismo da companhia. A expectativa é de um movimento saudável no fim de ano, com bons resultados no Natal e na Black Friday.

As vendas totais dos lojistas dos shoppings da Multiplan aumentaram 8,1% no terceiro trimestre de 2023 em relação ao mesmo período de 2022, para R$ 5,2 bilhões. No ano, a alta foi de 9,5%, chegando a R$ 13,7 bilhões. "Isso, por si só, já é razão de comemoração. Não posso deixar de ficar otimista para o quarto trimestre", afirmou.

A companhia também antecipou os dados de outubro. Nos primeiros 25 dias do mês, as vendas dos lojistas já foram 5,7% maiores do que no mesmo mês do ano passado. D'Almeida reiterou que o crescimento da ocupação e alta nas vendas é reflexo da migração gradual das lojas de ruas para os shoppings, combinado com o esforço da companhia de "lapidar" o mix de operações de acordo com o gosto dos consumidores.

Nesse contexto, os pontos de gastronomia, lazer e serviços têm ganhado participação no portfólio.

Outro ponto importante tem sido a realização de eventos variados para atrair o público para dentro dos shoppings. A Multiplan registrou 297 eventos no terceiro trimestre (alta de 38% na comparação anual) passando por festa junina, feira de adoção de animais, a happy hour, entre outros. No ano, foram 801 eventos.

 

IMAGEM: Jundiaí Shopping/divulgação

Store in Store

Carga Pesada

Vídeos

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

129 anos da ACSP - mensagem do presidente Roberto Ordine

Novos tempos, velhas crises

Confira como foi o 4° Liberdade para Empreender

Colunistas