Captação da poupança em março é a melhor desde 2013

Total ficou em R$ 3,978 bilhões, de acordo com o Banco Central

Estadão Conteúdo
05/Abr/2018
  • btn-whatsapp
Captação da poupança em março é a melhor desde 2013

A caderneta de poupança fechou o mês de março com captação líquida de R$ 3,978 bilhões. O valor reflete o montante de recursos que os poupadores depositaram na caderneta, já descontados os saques no período. Este foi o primeiro mês de captação líquida na poupança após dois meses de saques.

O resultado para a poupança foi o melhor para meses de março desde 2013, quando houve depósitos líquidos de R$ 5,960 bilhões. Em março do ano passado, houve saídas líquidas de R$ 4,996 bilhões e, em fevereiro de 2018, saques líquidos de R$ 708,1 milhões.

LEIA MAIS:  Poupança é o segundo tipo de investimento mais procurado

Em 2015 e 2016, a crise econômica havia acirrado os saques na poupança, com as famílias mais retirando do que colocando recursos na caderneta para fazer frente às despesas.

Em 2017, porém, a poupança registrou depósitos líquidos de R$ 17,126 bilhões, em meio ao início da recuperação econômica. Nos dois primeiro meses de 2018, porém, houve mais saídas que entradas de recursos.

O período geralmente é marcado por saques, pelas famílias, para o pagamento de despesas como o IPTU e as matrículas escolares. Agora, em março, a poupança voltou a ter captação líquida.

De acordo com o BC, o total de aplicações na poupança em março foi de R$ 180,580 bilhões, enquanto os saques somaram R$ 176,602 bilhões. O estoque total do investimento na poupança está em R$ 731,408 bilhões, já considerando os rendimentos de R$ 2,884 bilhões de março.

No acumulado de 2018 até março, a poupança registra saques líquidos de R$ 1,932 bilhão, resultado de aportes de R$ 525,797 bilhões e retiradas de R$ 527,798 bilhões.

A remuneração da poupança é formada por uma taxa fixa de 0,5% ao mês mais a Taxa Referencial (TR) - esse cálculo vale para quando a Selic (a taxa básica de juros) está acima de 8,5% ao ano.

Como a Selic está atualmente em 6,50% ao ano, a remuneração da caderneta é formada pela TR mais 70% da Selic. 

FOTO: Thinkstock

 

 

 

 

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
1,1007
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas