A estratégia da Coca-Cola: diversificar com cafeterias

De acordo com analistas, a compra da rede de cafés Costa, por US$ 5,1 bilhões, faz parte de um projeto de se tornar menos dependente dos refrigerantes, que vêm enfrentando queda nas vendas

Estadão Conteúdo
02/Set/2018
  • btn-whatsapp
A estratégia da Coca-Cola: diversificar com cafeterias

A gigante das bebidas Coca-Cola anunciou que vai comprar a rede de cafés Costa, que pertence ao grupo britânico Whitbread, pelo equivalente a US$ 5,1 bilhões (aproximadamente R$ 21 bilhões).

O negócio incluiu as dívidas da rede, que tem de 2,4 mil estabelecimentos no Reino Unido, além de 1,4 mil em 30 outros países - a rede vem mostrando crescimento especialmente forte na China. O negócio fez as ações da Whitbread fecharem ontem em alta de 14,6% na Bolsa de Londres.

A Costa, que foi fundada em 1971, é vista como a grande rival da americana Starbucks no Reino Unido. A expectativa é a de que o negócio seja concluído até o fim do primeiro semestre do ano que vem.

A Whitbread era dona da Costa havia 23 anos, quando adquiriu a franquia por cerca de US$ 30 milhões (ou R$ 123 milhões). Na ocasião, a cadeia tinha apenas 39 lojas.

A intenção do grupo agora é focar suas atividades na rede hoteleira Premier. Quase a totalidade do dinheiro será distribuída entre os acionistas. Os recursos restantes serão usados para pagamento de dívidas da Whitbread, aportes no fundo de pensão da companhia e também para financiar a expansão do conceito Premier Inn.

LEIA MAIS: Como este homem vai enfrentar os rivais McDonald´s e Burger King

De acordo com fontes do setor de bebidas, a compra da rede de cafés faz parte de um projeto da companhia de se tornar menos dependente dos refrigerantes, que ainda são seu carro-chefe, mas que vêm enfrentando queda nas vendas em várias partes do mundo.

Segundo a Coca-Cola, a entrada nesse segmento será uma oportunidade para a empresa estrear no mercado de bebidas quentes, que não faz parte de seu portfólio atual. A empresa destacou que assumirá uma marca global, ampliando seu conhecimento na área.

FOTO: Divulgação 

 

 

Matérias relacionadas

 

 

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
1,1007
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas