69% das famílias praticam educação financeira com crianças

O levantamento da Boa Vista também constatou que três em cada 10 entrevistados dão mesada aos filhos ou a outras crianças

Redação DC
10/Out/2019
  • btn-whatsapp
69% das famílias praticam educação financeira com crianças

84% dos consumidores acreditam ser muito importante que crianças e adolescentes tenham orientações relacionadas à Educação Financeira, segundo pesquisa realizada pela Boa Vista, sobre a intenção de compra para o Dia das Crianças.

Outros 15% dos entrevistados consideram estas orientações importantes, e 1% nada importante. O levantamento foi feito entre os últimos meses de agosto e setembro, com cerca de 600 consumidores, em todo o país.

APRENDIZADO FINACEIRO

Questionados sobre qual método utilizam na orientação financeira dos filhos ou de crianças próximas, 69% dos entrevistados indicam que optam pela conversa em família (explicando o que é, como se ganha e para que serve o dinheiro). Já outros 28% o fazem estimulando a criança a economizar a mesada. Por fim, 3% afirmam que a escola onde a criança estuda tem esse tipo de orientação.

MESADA

30% dos consumidores afirmam dar mesada aos filhos ou outras crianças, um aumento de 3 pontos percentuais (p.p.) em relação a 2018. Dentre eles, 84% dão para os filhos e outros 16% para sobrinhos, afilhados, netos e outras crianças. O gráfico abaixo ilustra esses dados.

Ainda dentro dos 30% dos consumidores que dão mesada, 52% o fazem para estimular a educação financeira da criança. Outros 31% dão a mesada para prover recursos para a alimentação da criança, ao passo que 16% dão o valor como forma de recompensa pelo comportamento. 1% dos consumidores afirmam que dão a mesada por outro motivo não especificado. O gráfico a seguir detalha os números.

93% dos consumidores que dão mesada usam o dinheiro em espécie, 4% o cartão pré-pago e 3% o cartão de crédito adicional. Dentre os 7% que utilizam o cartão, 60% o fazem por acreditar que se trata de uma boa ferramenta para a organização das despesas e 40% para controlar melhor os gastos dos filhos.

POUPAR PARA OS FILHOS

O número de consumidores que afirmam ter o hábito de poupar para os filhos cresceu 8p.p. em relação a 2018, passando de 51% no ano passado para 59% em 2019. Entre os consumidores que poupam, 52% utilizam a poupança, 15% a previdência privada, 9% fundos, ações ou CDB (Certificado de Depósito Bancário), 5% os títulos de capitalização e 19% outros tipos de investimento.

VALOR E FINALIDADE DA POUPANÇA

Dentre os 59% dos consumidores que poupam para os filhos, 39% afirmam poupar até R$ 50 por mês, enquanto 61% poupam a partir de R$ 51 todos os meses. Ainda dentre o total de entrevistados que poupam para as crianças, 61% afirmam fazer a poupança pensando nos estudos dos filhos.

Para outros 16%, a finalidade de poupar é a casa própria, enquanto para 7% é o tratamento médico. Por fim, 16% poupam com outras finalidades, como aposentadoria, emergências e independência financeira, por exemplo.

Essas e outras informações, obtidas a partir da pesquisa, também estão disponíveis neste infográfico.

METODOLOGIA

A pesquisa, realizada pela Boa Vista, entrevistou cerca de 600 consumidores, em nível nacional, entre os meses de agosto e setembro de 2019. O estudo buscou identificar como os pais inserem o tema Educação Financeira na vida dos filhos e os hábitos de poupar para o futuro. A metodologia utilizada foi a quantitativa, por meio de consulta eletrônica via internet. Para leitura dos resultados, considera-se margem de erro de 4p.p. e 95% de grau de confiança.

 

 

 

 

 

 

Indicadores Econômicos

Fator de Reajuste

ÍNDICE
Mai
Jun
Jul
IGP-M
1,1072
1,1070
1,1008
IGP-DI
1,1056
1,1112
1,0913
IPCA
1,1173
1,1189
1,1007
IPC-Fipe
1,1227
1,1169
1,1073

Indicadores de crédito Boa Vista

Índice
Abr
Mai
Jun
Demanda por crédito
-4,3%
-2,1%
-1,9%
Pedidos de falência
--
--
--
Movimento do comércio
1,1%
1,5%
-0,8%
Inadimplência do consumidor
5,0%
7,5%
-0,6%
Recuperação de crédito
1,8%
-5,6%
2,4%
mais índices

Vídeos

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Tarcísio de Freitas participa de ciclo de debates promovido pela ACSP

Felipe d’Avila, do Novo, foi sabatinado por empresários na ACSP

Márcio França fala em fim da ‘tiriricação’ da política

Colunistas