Economia

Movimento do comércio cai 0,6% em setembro, aponta Boa Vista


Segundo a empresa de análise de crédito, o consumidor está menos confiante em meio a um cenário de maior inflação e taxa de juros


  Por Redação DC 19 de Outubro de 2021 às 16:50

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


O indicador antecedente de Movimento do Comércio, apurado pela Boa Vista, apontou retração de 0,6% em setembro na comparação com agosto. Esse indicador registra o desempenho das vendas em todo o território nacional. Os dados já estão dessazonalizados.

O indicador caiu 4,7% na comparação interanual e encerrou o 3º trimestre de 2021 em queda de 0,2% frente aos resultados obtidos no mesmo período de 2020.

No ano, o crescimento desacelerou de 1,9% para 1,0%, ao passo que, na variação acumulada em 12 meses, o indicador aponta queda de 0,6%.

Segundo a Boa Vista, a queda na comparação interanual, a primeira após cinco elevações consecutivas, já há algum tempo era anunciada, dado que, mantida a base de comparação, o índice vinha perdendo o fôlego nos meses anteriores.

“No mês de setembro, o comércio se deparou com um consumidor menos confiante em meio a um cenário de maior inflação e taxa de juros”, informa a empresa de análise de crédito.

Ainda segundo a Boa Vista, não são poucos os fatores que sugerem uma desaceleração do comércio nos próximos meses, que também podem comprometer o crescimento em 2022.

Além da inflação e dos juros em alta, entre esses fatores que desenham um cenário ruim para o comércio estão o desempenho pouco promissor do mercado de trabalho e o fim do auxílio emergencial, cuja última parcela do benefício está prevista para outubro.

 

IMAGEM: Rovena Rosa/Agência Brasil






Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade




Publicidade



Publicidade




Publicidade