Brasil

Atendimento presencial a segurados do INSS retorna dia 13 de julho


Nesse primeiro momento, os atendimentos irão priorizar serviços de perícia médica, avaliação social, cumprimento de exigência, justificação administrativa e reabilitação profissional


  Por Redação DC 22 de Junho de 2020 às 11:08

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


O atendimento remoto aos segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi prorrogado até o dia 10 de julho. A portaria que normatiza a prorrogação foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (22/06).

A portaria prevê o retorno gradual do atendimento presencial nas agências no dia 13 de julho. As medidas estão alinhadas às ações de enfrentamento da emergência em saúde pública decorrente da pandemia do novo coronavírus.

Com a reabertura gradual, serão priorizados, nesta primeira fase, serviços de perícia médica, avaliação social, cumprimento de exigência, justificação administrativa e reabilitação profissional.

O retorno destes serviços visa dar celeridade aos processos, uma vez que precisam essencialmente do atendimento presencial.

ATENDIMENTO AGENDADO

Vale destacar que, para qualquer um destes serviços, o segurado deve realizar o agendamento pelo Meu INSS (gov.br/meuinss, site e aplicativo) ou pelo telefone 135.

Segurados sem agendamento não serão atendidos nas agências, para evitar aglomerações, conforme determinações do Ministério da Saúde.

DEMAIS SERVIÇOS

Os serviços que não estarão disponíveis de forma presencial neste primeiro momento, continuam pelos canais remotos, o Meu INSS (gov.br/meuinss, site e aplicativo) e telefone 135.

Além disso, o regime de plantão para tirar dúvidas continua enquanto o atendimento presencial não for totalmente retomado, a fim de continuar prestando serviço de qualidade aos cidadãos que têm dúvidas em relação a serviços e benefício.

 

IMAGEM: Wilson Rosa/ Agência Brasil