Tecnologia

Aplicativos ajudam a denunciar irregularidades nas eleições


Ao todo são 11 aplicativos disponibilizados pelo TSE. As informações coletadas chegarão ao Ministério Público


  Por Redação DC 18 de Agosto de 2016 às 20:10

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai disponibilizar aplicativos que permitem à população conhecer e denunciar candidatos que participarão das eleições deste ano. Ao todo serão lançados 11 aplicativos.

Um deles é chamado de Pardal, que permite ao eleitor fazer denúncias sobre irregularidades cometidas tanto por candidatos como por partidos. 

Ele não é exatamente uma novidade, o aplicativo já estava em uso no Espírito Santo e na Paraíba, que desenvolveram a ferramenta em conjunto em 2012. Agora ela poderá ser usada nacionalmente.

Segundo o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, as denúncias enviadas por meio do Pardal chegarão ao Ministério Público e este fará a devida avaliação.

De acordo com o ministro, entre as denúncias que podem ser feitas estão aquelas relacionadas a propaganda irregular e compra de votos, entre outros. 
 

MAIS OPÇÕES

Além do Pardal, o TSE disponibiliza o Candidaturas 2016. Com este aplicativo o eleitor terá informações dos candidatos, como, por exemplo, dados pessoais e informações sobre a prestação de contas.

Outros aplicativos que já estão disponíveis, segundo o TSE, é o Agenda JE, que traz o calendário eleitoral, e o JE Processos, que vai permitir que o eleitor acompanhe o trâmite de processos. 

*com informações da Agência Brasil

IMAGEM: thinkstock