Publicidade

Quer uma renda extra em 2021? Veja por onde começar


Sem grandes investimentos nem espaço próprio para começar a empreender, há muitas possibilidades para complementar o orçamento começando rápido e do zero


  Por Redação DC 14 de Fevereiro de 2021 às 22:32

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


O cenário atual desenhado pelos impactos da pandemia sugere um futuro limitado no que diz respeito à distribuição de renda e boas oportunidades de negócios. Em um ano marcado pelo fechamento de empresas e aumento no número de pedidos de seguro-desemprego, o novo normal deve impor também novos modelos de trabalho.

Num mundo que valoriza cada vez mais criatividade e conhecimento, os trabalhadores terão que se preparar para uma cultura de trabalho mais flexível - não apenas pelo home-office e pelas jornadas de trabalho mais maleáveis, mas também pela versatilidade. Levando em consideração que quase 5 milhões de postos de trabalho foram fechados no último ano, é natural imaginar que um número cada vez maior de pessoas estejam procurando maneiras de conseguir uma renda extra.

PRODUÇÃO DE CONTEÚDO

Nada mais atual que ganhar dinheiro trabalhando como produtor de conteúdo. Criar conteúdos relevantes que mostrem conhecimento sobre determinado tema significa, também, saber vender a sua imagem como profissional.

Com a popularização das redes sociais fica mais fácil de divulgar as suas qualificações, reforçar sua competência e mostrar como você pode contribuir com outras empresas. Passe longe da velha técnica de copiar e colar informações em fichas e sites de cadastro.

Grave vídeos, marque lives, divulgue seu dia a dia, organize conteúdo suficiente para publicar um eBook. Por mais que a publicação de um eBook raramente seja vista como uma das melhores maneiras de ganhar dinheiro na internet mais rápido, é uma dica especialmente relevante para aqueles que querem ganhar notoriedade na área.

Se preferir começar com algo rápido e prático, é possível investir na criação de manuais ou guias de diversos assuntos ligados a sua área de especialização. Vale dicas de organização financeira, estratégias de vendas e por aí vai. Em plataformas como o Kindle da Amazon, é possível publicar seu eBook gratuitamente.

TRABALHE COMO FREELANCER

Com a prática de trabalho remoto melhor estabelecida no mundo corporativo são muitas as empresas que passaram a contratar serviços de profissionais freelancer. Para começar a buscar clientes é importante criar um portfólio com alguns dos seus melhores trabalhos, disparar e-mails oferecendo seu serviço, entrar em contato com outros profissionais freelancers, se candidatar a vagas e não desanimar com as possíveis rejeições.

Nessa modalidade, é importante saber que trabalhar sob demanda traz um fluxo de trabalho instável, que de acordo com os meses trará maior ou menor renda. 

VENDAS DROPSHIPPING

Dropshipping é um método de vendas varejistas em que o vendedor não mantém nenhum produto em estoque e atua como um intermediário para a compra tornando-se responsável pela divulgação e venda de determinado produto ou serviço. Funciona como uma espécie de vitrine terceirizada em que todos os processos de reserva e entrega são realizados pelo fornecedor original.

Ou seja, o vendedor não manipula o produto, apenas recebe uma parcela dos lucros por ter sido o motivador daquela compra. Esse modelo permite, por exemplo, que na mesma loja seja oferecida uma vasta quantidade de unidades, já que não há gastos com estoque e logística. Conseguindo trabalhar uma boa margem de percentuais sobre as compras, torna-se possível fechar negócios em larga escala sem as preocupações habituais de pós-venda.

FALE SOBRE AQUILO QUE VOCÊ DOMINA

Aulas particulares, cursos on-line, consultoria, palestra. Existem vários formatos possível para transmitir conhecimento sobre um tema que você domine. Fique atento as principais dúvidas que costumam ser sanadas por você, ao tipo de apoio dado sempre que alguém lhe procura e transforme esse repertório em negóci.

Ter algumas respostas na ponta da língua pode lhe dar a chance de se tornar um consultor, criar um curso on-line ou até mesmo ensinar de forma personalizada sobre temas que possam ajudar outras pessoas. Se feito de maneira remota, o lucro recebido pelos seus serviços pode ser ainda maior.

VENDA PELAS REDES SOCIAIS

Comprar pelas redes sociais tem se tornado cada vez mais frequente entre brasileiros. De acordo com a pesquisa mCommerce Brasil 2019, feita pelo PayPal em parceria com o Ipsos, mostra que 43% dos consumidores usam esses canais para fazer compras, enquanto no mundo a média é de 30%. Já o gasto médio mensal dos brasileiros nas redes sociais é de R$ 466.

Algumas empresas têm estimulado empreendedores parceiros a usarem as redes sociais para vender. É o caso da SumUp, que apoia seus consultores terceirizados a divulgar seu trabalho em redes como YouTube e Facebook.

De baixo investimento inicial, a perspectiva de quem entra para o time SumUp é recuperar o valor investido em dobro logo de entrada. É possível faturar a partir de R$ 1,5 mil vendendo uma única maquininha por dia. Saiba como virar um consultor SumUp CLICANDO AQUI.

 

IMAGEM: Thinkstock






Publicidade





Publicidade







Publicidade