Opinião

Eles vencerão?


Vai acabar ficando tudo por isso mesmo enquanto a crise econômica e financeira desestrutura os lares brasileiros?


  Por Paulo Saab 18 de Novembro de 2015 às 04:00

  | Jornalista, Bacharel em Direito, professor universitário e escritor.


Pode ser engano meu, ou até reflexo de uma sensação crescente.

Espero estar sem nenhuma razão.

Mas, tem me parecido que eles, o conjunto formado pelas forças que assaltam o país, ondem entram os dominados do Congresso Nacional, do STF, dos partidos políticos e, mesmo, da mídia entupida de tanto dinheiro de verbas públicas, estão conseguindo arrefecer o ânimo dos que não suportam mais tanta bandalheira criminosa na vida pública do país.

Pior, acobertada pelos agentes públicos encarregados de manter a ordem, a justiça e a decência no país.

Estou errado?

O passar do tempo conspira claramente a favor da manutenção de um status quo em que o país é o maior prejudicado.

O governo Dilma, que não governa, destrói o país, vai se mantendo mesmo em meio a tanta ilegalidade e crimes contra a lei.

O Congresso Nacional faz acordos espúrios com nosso Executivo apodrecido para um salvar o outro. Dilma, Cunha, Calheiros, se juntam no desespero de serem acusados e os últimos dois investigados, para todos se salvarem a custa da bovina mansidão do espoliado povo brasileiro.

Nossa Corte maior, o STF, dominado pelo lulopetismo toma decisões por seus membros que sempre visam protelar ou aliviar a situação dos políticos que infringiram a lei e a confiança popular, para manter os acordos que os levaram aos seus atuais cargos.

Uma troca inominável com a Nação como refém. Ministro do STF deveria fazer concurso público de provas e títulos mais conhecimento.

Sem politicagem de nomeação.

A mídia abarrotada de verba pública desvia o que pode a atenção de Dilma para sobre Cunha, principalmente. E o maior desastre natural da história do país ganha segunda dimensão menor diante dos atentados terroristas no Exterior.

E Dilma segue falando tanta bobagem no mesmo nível de sua inaptidão para presidir o país. Só não viu quem não quis quando ela veio com a estupidez de ser chamada de “presidenta” que sua visão sobre governar era outra. E ainda há quem a chame de presidente num sabugismo vergonhoso.

A classe média que foi às ruas protestar e pedir a saída de Dilma, do PT e a prisão de Lula (vai acontecer ainda) está arrefecendo? Se entregando às manobras espúrias do Planalto?

Um Planalto tão distante dos interesses reais do país, no mesmo nível em que os oposicionistas, só no nome, envergonham os brasileiros com uma oposição passiva, medrosa, aparentemente atemorizada.

Vai acabar ficando tudo por isso mesmo enquanto a crise econômica e financeira desestrutura os lares brasileiros?

Os ditos movimentos sociais parecem também estar perdendo folego. De corajosos podem virar retirantes.

Resistam. Sem medo dos covardes de vermelho que os atacam protegidos pelos maus governantes.

Eu não sei bem. Eu não vou arrefecer.

Você está desanimando leitor? Vai os deixar vencer?

Até as urnas agora parecem de fato manipuladas.

Estou contrariado, mas não derrotado.

"Eu sou bem guiado/Pelas mãos divinas “... diz a música sertaneja.

Além de Fé é preciso luta.