Negócios

Na Black Friday 2016, vendas do e-commerce devem crescer 30%


Expectativa da consultoria E-bit é que faturamento chegue a R$ 2,1 bilhões no dia 25 de novembro


  Por Estadão Conteúdo 04 de Outubro de 2016 às 17:40

  | Agência de notícias do jornal O Estado de S.Paulo


No dia 25 de novembro, principal dia de descontos da Black Friday, as vendas do comércio eletrônico devem subir 30%, de acordo com dados da E-bit, empresa especializada em informações do setor. 

Para o evento promocional, a projeção da consultoria é de um faturamento de R$ 2,1 bilhões. No ano passado, as vendas da Black Friday atingiram R$ 1,6 bilhão em apenas um dia. 

O levantamento considera as vendas apenas durante a sexta-feira, dia seguinte ao feriado do Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos, e não contabiliza vendas em promoções que possam ocorrer antes ou depois da principal data.

LEIA MAIS:Como o e-commerce pode ajudar o varejo a vencer a crise

De acordo com a pesquisa, 84% dos consumidores online dizem que esperam aproveitar a data para fazer compras. Foram entrevistadas 5,7 mil pessoas. Os produtos com maior intenção de compra são os eletrônicos, desejados por 34% dos consumidores. 

Eletrodomésticos e itens de telefonia vêm em seguida, com 28% e 27% de intenção de compra, respectivamente.

Ainda segundo o levantamento, 44% das compras da Black Friday devem ser feitas com o intuito de antecipar as compras de Natal

Apesar disso, 59% das pessoas dizem que vão comprar produtos para uso próprio, e só 14% afirmam que aproveitarão a data promocional para comprar presentes.

FOTO: Thinkstock






Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade




Publicidade



Publicidade




Publicidade