Negócios

Confiança do comércio cai em março


Desempenho do indicador da FGV reforça o cenário de lenta recuperação do setor influenciado pelo elevado nível de incerteza e do arrefecimento da confiança dos consumidores


  Por Agência Brasil 28 de Março de 2019 às 10:14

  | Agência de notícias da Empresa Brasileira de Comunicação.


O Índice de Confiança do Comércio, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), recuou 3,2 pontos de fevereiro para março. Com o resultado, o indicador caiu para 96,8 pontos, em uma escala de zero a 200, menor valor desde outubro de 2018 (94,4 pontos).

De acordo com a FGV, o índice acumula uma perda de 8,3 pontos nos últimos três meses. Em médias móveis trimestrais, o indicador cedeu 2,8 pontos, após de seis meses de altas consecutivas.

Em março, a confiança caiu em nove dos 13 segmentos do comércio pesquisados pela FGV. A queda foi influenciada pela piora da percepção dos empresários com relação tanto ao momento presente quanto às expectativas.

O Índice de Situação Atual caiu 4,2 pontos, para 89,0, menor valor desde maio de 2018 (88,9). Já o Índice de Expectativas recuou 2,2 pontos, para 104,6.

Segundo o pesquisador da FGV Rodolpho Tobler, os primeiros resultados da confiança do comércio em 2019 sugerem “certa frustração e cautela dos empresários com o andamento do ritmo das vendas”.

O desempenho do indicador, para Tobler, reforça o cenário “de lenta recuperação do setor influenciado pelo elevado nível de incerteza e do arrefecimento da confiança dos consumidores”.