Negócios

Com a queda da inflação, cresce procura por crédito


Os consumidores buscaram mais crédito em outubro em comparação com setembro. O crescimento foi de 5,3%


  Por Estadão Conteúdo 21 de Novembro de 2017 às 12:17

  | Agência de notícias do Grupo Estado


A procura por crédito por parte de consumidores no país cresceu 5,3% em outubro em relação a setembro, conforme a Serasa Experian. No confronto com o décimo mês de 2016, o crescimento foi de 5,4%. Já no acumulado do ano até outubro, a alta foi de 4,6%.

O resultado interanual (5,4%) foi o sexto aumento consecutivo. Segundo os economistas da Serasa, o movimento mostra a volta dos consumidores ao mercado de crédito sob influências da redução da inflação, queda do juro básico, início de um processo de recuperação gradual do emprego formal e aumento da confiança.

Ainda na comparação com outubro de 2016, houve expansão em todas as faixas de renda. Para os consumidores que recebem até R$ 500 por mês o aumento na demanda por crédito foi de 20,2%. Para os que ganham entre R$ 500 e R$ 1.000, a alta foi de 1,9%.

Em relação a consumidores que recebem entre R$ 1.000 e R$ 2.000, o crescimento foi de 1,4%. Para aqueles que ganham de R$ 2.000 a R$ 5.000 mensais, o avanço foi de 12,8% e, para os que recebem entre R$ 5.000 e R$ 10.000, o incremento foi de 23,7%.

Já a faixa que compreende renda mensal superior a R$ 10.000, a demanda por crédito cresceu 22,1% em outubro na comparação com igual mês de 2016.

FOTO: Thinkstock