Negócios

Cai 4,9% o volume de serviços no país


Setor registra pior setembro da série histórica, de acordo com o IBGE


  Por Estadão Conteúdo 16 de Novembro de 2016 às 11:09

  | Agência de notícias do jornal O Estado de S.Paulo


O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) registrou retração do volume de serviços prestados de 4,9% em comparação com setembro do ano passado, a maior queda para um mês de setembro, desde janeiro de 2012, quando foi iniciada a série histórica.

Na comparação com agosto, a retração foi de 0,3%, no acumulado do ano, de 4,7% e, em 12 meses, de 5%.

A Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) apontou também retração na receita bruta nominal em setembro, de 0,2% ante igual mês de 2015, e de 0,7% em relação a agosto. A taxa acumulada no ano foi positiva em 0,4% e, em 12 meses, em 0,2%.

Entre as atividades, na série livre de influências sazonais, registraram variações positivas em volume de serviços prestados, os segmentos administrativos e complementares (0,7%) e de transportes, serviços auxiliares dos transportes e correio (0,3%).

Variações negativas foram registradas nos segmentos de outros serviços (-2,5%), de serviços prestados às famílias (-0,9%) e de serviços de informação e comunicação (-0,6%). O agregado especial das atividades turísticas apresentou crescimento de 1,5%, na comparação com agosto.

Foto: Thinkstock