Leis e Tributos

Impostômetro atingirá a marca de R$ 200 bi nesta sexta


Cifra será exibida no painel da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e corresponde ao total pago pelos brasileiros desde o primeiro dia do ano


  Por Redação DC 24 de Janeiro de 2019 às 11:45

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


A arrecadação de tributos ? que compreendem impostos, taxas, contribuições e multas ? atingirá a marca de R$ 200 bilhões nesta sexta-feira (25/1), à 0h15.

A cifra será mostrada pelo Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e corresponde ao total pago pelos brasileiros desde o primeiro dia do ano.

Em 2018, o número foi alcançado um dia depois (em 26/1), sinalizando elevação tímida da arrecadação, segundo Alencar Burti, presidente da ACSP.

“Janeiro é um mês atípico, pois as atividades que movimentam a economia retornam aos poucos ao seu ritmo habitual, passadas as comemorações de fim de ano”, explica Burti, que também preside a Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp). “Já para o restante de 2019 espera-se aumento da arrecadação, acompanhando a aguardada retomada mais vigorosa da economia”.

Para ele, os maiores desafios do governo são implementar o controle efetivo dos gastos, fazer as reformas estruturais e equilibrar o orçamento público sem, no entanto, aumentar tributos.

“Esperamos que a elevação arrecadatória se dê de forma saudável, por meio do crescimento econômico, e não por impostos ainda mais altos, o que pode desestimular o consumo”.

“O atingimento pelo Impostômetro da marca de R$ 200 bilhões, um dia antes da data que aconteceu em 2018, denota um incremento muito tímido da arrecadação neste ano, reflexo ainda da crise acontecida em governos anteriores. Há um sentimento em todos os mercados de que, com a retomada do crescimento econômico após a aprovação das reformas, haja um aumento na arrecadação de tributos por parte dos governos”, afirma João Eloi Olenike, presidente do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT), que calcula os números do painel para a ACSP a partir dos dados oficiais.

O Impostômetro foi implantado em 2005 pela ACSP para conscientizar os brasileiros sobre a alta carga tributária e incentivá-los a cobrar os governos por serviços públicos de mais qualidade. Está localizado na sede da ACSP, na Rua Boa Vista, centro da capital paulista.

Outros municípios e capitais se espelharam na iniciativa e instalaram seus painéis. No portal www.impostometro.com.br é possível visualizar valores arrecadados por período, estado, município e categoria.