Leis e Tributos

Brasileiros já pagaram R$ 1,6 tri em tributos


A marca chega 14 dias antes do que em 2018, revelando que o painel está girando mais rapidamente e, portanto, o bolo tributário continua a crescer, de acordo com a ACSP


  Por Redação DC 25 de Agosto de 2019 às 12:00

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


Neste domingo (25/8), às 21h30, o Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) vai registrar R$ 1,6 trilhão.

O valor corresponde ao total de impostos, taxas, multas e contribuições pagos pelos brasileiros desde o primeiro dia do ano para as três esferas de governo: municipal, estadual e federal.

A marca vai chegar 14 dias antes do que em 2018, revelando que o painel está girando mais rapidamente e, portanto, o bolo tributário continua a crescer.

“Apesar da fraca atividade econômica, a arrecadação continua subindo por meio de sistema caótico. Em um cenário futuro, tem-se grande expectativa de que se possa fazer uma simplificação do sistema tributário brasileiro que estimule a economia e a geração de empregos”, diz Marcel Solimeo, economista da ACSP.
Para ele, paralelamente é necessário que se adotem medidas para a redução dos gastos que permitam gradativamente diminuir a carga tributária.

O Impostômetro foi implantado em 2005 pela ACSP para conscientizar os brasileiros sobre a alta carga tributária e incentivá-los a cobrar os governos por serviços públicos de mais qualidade. Está localizado na sede da ACSP, na Rua Boa Vista, centro da capital paulista.

Outros municípios e capitais se espelharam na iniciativa e instalaram seus painéis. No portal www.impostometro.com.br é possível acessar diversas informações tributárias.