Gestão

“Temos a obrigação de ajudar a passar o Brasil a limpo”


A mensagem de Márcio Shimomoto (à esq.), em sua posse. Ele substitui Sérgio Approbato na presidência do Sescon-SP, entidade que representa os profissionais da contabilidade


  Por Redação DC 22 de Fevereiro de 2016 às 18:00

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


O empresário do setor contábil Márcio Massao Shimomoto, 51 anos, assumiu oficialmente a presidência do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis de São Paulo (Sescon-SP) nesta sexta-feira (19/02). Ele substitui Sérgio Approbato Machado Júnior, que estava à frente da entidade desde 2013. 
 
Shimomoto é administrador de empresas, advogado e contador. Também é sócio do escritório King Contabilidade. Durante a cerimônia que o empossou, acompanhada por mais de mil pessoas, ele disse que pretende fazer uma gestão pautada pela continuidade do trabalho realizado por seus antecessores, mas com inovações incorporadas. 

“Daremos seguimentos e ampliaremos ainda mais todas as ações anteriores. Queremos conquistar muito nos próximos anos, afinal, temos a obrigação, como cada entidade, cada empresa, e cada brasileiro, de ajudar a passar o Brasil a limpo”, disse durante a cerimônia.

A qualificação dos profissionais contábeis estará entre as suas prioridades. “Vamos inovar para que o Sescon possa fazer mais e melhor para seus associados. Os desafios econômicos, fiscais, tributários e tecnológicos exigem qualificação e profissionalização das empresas, e o nosso sindicato estará à frente de todos esses desafios”, disse.

MAIS DE MIL PESSOAS, ENTRE AUTORIDADES E PROFISSIONAIS CONTÁBEIS, ACOMPANHARAM A POSSE DE SHIMOMOTO

Com 67 anos de existência, o Sescon-SP representa quase 100 mil empresas no estado de São Paulo. 

Em entrevista concedida ao Diário do Comércio, o novo presidente do Sescon-SP projeta um ano de muito trabalho para o profissional da contabilidade, pois há uma série de novidades fiscais e tributárias que precisarão ser incorporadas pelas empresas, e isso terá de ser feito em um período de crise econômica acentuada, o que inibe investimentos por parte dos empresários. 

LEIA A ENTREVISTA DE MÁRCIO SHIMOMOTO: CRISE SE ENFRENTA COM INOVAÇÃO

Por sua vez, Sérgio Approbato Machado Júnior, que passou o bastão para o novo presidente, destacou, durante o evento, o entrosamento entre ele e Shimomoto. “Trabalhamos lado a lado nos últimos anos, lutamos juntos, dialogamos, compartilhamos experiências, buscamos soluções em conjunto, comemoramos as vitórias. Deixo as Entidades (Sescon e Aescon) em boas mãos”, disse. 

As palavras de Mário Elmir Berti, presidente da Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis (Fenacon), foram na mesma linha. “Por certo, ao longo do tempo, muitas dificuldades aconteceram, mas também muitas conquistas e muitas alegrias. Por isso, quero ressaltar a importância e a relevância do Sescon-SP, a estrela mais brilhante da nossa constelação.”

IMAGEM: Divulgação/Sescon-SP