Finanças

Cartões movimentam R$ 720 bilhões no 1º semestre


Atualmente, os cartões representam 34% no consumo das famílias. A meta do setor é quase dobrar essa participação, chegando a 60% em quatro anos


  Por Estadão Conteúdo 25 de Setembro de 2018 às 12:05

  | Agência de notícias do Grupo Estado


O setor de cartões movimentou R$ 720 bilhões no primeiro semestre, aumento de 13,6% ante o mesmo período do ano passado, conforme dados divulgados pela Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs).

No período, os plásticos da modalidade crédito responderam por R$ 450 bilhões, elevação de 14%, na mesma base de comparação. No débito, a cifra chegou a R$ 265,4 bilhões no semestre, expansão de 12,3% em um ano.

LEIA MAIS: Após dois anos de queda, parcelamento no cartão volta a crescer

"O crescimento do mercado de meios de pagamentos eletrônicos bem acima do desempenho da economia mostra o vigor deste segmento e o potencial que existe para a migração de uso de pagamentos", avaliou o presidente da Abecs, Fernando Chacon, em coletiva de imprensa, nesta manhã.

Atualmente, os cartões representam 34% no consumo das famílias. Segundo Chacon, a meta do setor é quase dobrar essa participação, chegando a 60% em quatro anos.

LEIA MAIS: Explodem fraudes com cartão de crédito na internet

O presidente da Abecs ressaltou ainda o desempenho dos cartões pré-pagos que no primeiro semestre somaram R$ 4,6 bilhões, cifra 62,3% maior que a vista um ano antes. A modalidade, lembrou ele, abrange as contas de pagamentos.

O número de transações com cartões no primeiro semestre foi a 8,8 bilhões, crescimento de 15%. Os cartões de crédito foram usados 4,4 bilhões de vezes pelos brasileiros e os de débito 4,3 bilhões de vezes. Nos cartões pré-pagos, foram registradas 69,6 milhões de transações.

LEIA TAMBÉM: Guerra das maquininhas volta a derrubar taxas para o comércio

IMAGEM: Thinkstock