Finanças

Bolsa sobe 1,23%, a quinta alta seguida


O Ibovespa fechou aos 105.817,06 pontos, em pregão de volume negociado robusto, de R$ 23,23 bilhões


  Por Redação DC 10 de Julho de 2019 às 18:31

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


O Ibovespa chegou ao quinto pregão seguido de alta e bateu um novo recorde de pontuação.

Com máxima de 106 650,12 mil pontos, atingida ainda na primeira etapa de negócios, o índice encerrou a sessão desta quarta-feira, 10/07, em alta de 1,23%, aos 105.817,06 pontos, em pregão de volume negociado robusto, de R$ 23,23 bilhões.

Após encerrar o mês passado com valorização de 4,06%, o índice acumula alta de 4,80% nos sete primeiros pregões de julho. 

DÓLAR

O dólar operou o dia todo em queda e fechou na menor cotação desde 28 de fevereiro, quando terminou em R$ 3,7535.

O otimismo com a reforma da Previdência e a sinalização do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) de que está pronto para cortar os juros na maior economia do mundo, levaram os investidores a vender a moeda americana.

O dólar à vista encerrou a quarta-feira em R$ 3,7568, em queda de 0,77%, o terceiro maior recuo em uma lista de 34 moedas internacionais.

 

IMAGEM: Thinkstock