Economia

Medo do desemprego é o maior em 17 anos


Índice mostra que o número de brasileiros com esse temor supera o registrado em julho de 1999, quando o Brasil vivia uma grave crise cambial com uma expressiva desvalorização do real


  Por Estadão Conteúdo 18 de Julho de 2016 às 16:39

  | Agência de notícias do jornal O Estado de S.Paulo


Com o país caminhando para mais um ano de forte recessão econômica, o brasileiro nunca teve tanto medo de ficar sem trabalho como agora. 

O Índice de Medo do Desemprego medido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) chegou ao maior valor da história em junho deste ano, superando o temor registrado em julho de 1999, quando o Brasil vivia uma grave crise cambial com uma expressiva desvalorização do real.

Se comparado a março deste ano, o indicador sobre o medo de perder o emprego subiu 1,9%. Em relação a junho do ano passado, o temor de ficar sem trabalho saltou 4,2%.

Já o Índice de Satisfação com a Vida dos brasileiros melhorou no mês passado, com um crescimento de 0,8% em relação março.

Ainda assim, o indicador acumula uma queda de 2,6% na comparação com junho do ano passado. E, considerando toda a série histórica da pesquisa, a satisfação dos brasileiros no mês foi a segunda pior já registrada na pesquisa, que é feita pela CNI em parceria com o Ibope.

Para se chegar aos resultados, o Ibope entrevistou 2002 pessoas em 141 municípios entre os dias 24 e 27 de junho.

FOTO: Thinkstock