Economia

Em janeiro, produção da indústria deve ter 1ª alta após 34 meses de quedas


A projeção é do Ipea, que estima crescimento de 2,1% na comparação com janeiro de 2016


  Por Estadão Conteúdo 23 de Fevereiro de 2017 às 18:56

  | Agência de notícias do jornal O Estado de S.Paulo


A indústria brasileira deve mostrar em janeiro a primeira alta anual da produção em 34 meses, segundo o Indicador Ipea de Produção Industrial, divulgado pelo Grupo de Conjuntura do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

A estimativa é de crescimento de 2,1% na comparação com janeiro de 2016, o que representaria o primeiro resultado positivo após 34 meses consecutivos de quedas, conforme apurado pela Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física (PIM-PF), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em relação a dezembro de 2016, na série com ajuste sazonal, o Indicador Ipea de Produção Industrial indica que houve estabilidade.

Entre os indicadores coincidentes utilizados na previsão, a produção de aço apresentou desempenho positivo no primeiro mês de 2017, com avanço de 11,5% em relação a dezembro de 2016.

"O indicador de confiança do empresário também melhorou (5,1%), assim como o nível de utilização de capacidade (1,7%) e a venda de papel e papelão (0,5%)", ressaltou Leonardo Mello de Carvalho, técnico de planejamento e pesquisa do Grupo de Conjuntura do Ipea, em nota oficial.

Por outro lado, houve retração no volume de tráfego de carga em estradas com pedágio, com queda de 2,3% em janeiro ante dezembro, e na produção de automóveis, com redução de 14,4%.

FOTO: Thinkstock





Publicidade





Publicidade









Publicidade