Brasil

Relembre os principais acontecimentos de 2019


O brasileiro e o mundo ficaram chocados com a tragéria de Brumadinho. O embaixador da Itália no Brasil, Antonio Bernardini, comemorou a captura de Cesare Battisti. E a crise na Venezuela se agravou


  Por Agência Brasil 20 de Dezembro de 2019 às 09:30

  | Agência de notícias da Empresa Brasileira de Comunicação.


O ano de 2019 começou com a posse de governadores e do presidente Jair Bolsonaro. Dias após ser empossado, o novo presidente passou por cirurgia para retirada da bolsa de colostomia. Antes, participou do Fórum Econômico Mundial, na Suíça.

Em janeiro, o brasileiro e o mundo ficaram chocados com a tragéria de Brumadinho. O embaixador da Itália no Brasil, Antonio Bernardini, comemorou a captura de Cesare Battisti. E a crise na Venezuela se agravou com a autoproclamação de Juan Guaidó.

RELEMBRE

Posse de Jair Bolsonaro

Eleito com 57,8 milhões de votos no segundo turno das eleições de 2018, Jair Bolsonaro assumiu a Presidência em Brasília no dia 1º de janeiro. No discurso de posse, Bolsonaro pediu ajuda para reconstruir o país e defendeu o fim da corrupção e de vantagens.

A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, quebrou o protocolo e discursou em Libras no parlatório.

Fórum Econômico Mundial

Primeiro chefe de Estado latino-americano a discursar na abertura da sessão plenária do Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, o presidente Jair Bolsonaro foi convidado para a reunião do International Business Council (IBC).

Ao discursar, o presidente reafirmou sua determinação de manter a harmonia entre o desenvolvimento econômico e a preservação do meio ambiente e a biodiversidade. “Nossa missão é avançar na compatibilização da preservação” e do “desenvolvimento”. “Queremos que o mundo restabeleça a confiança em nós.”

 

Brumadinho

A barragem de rejeitos da Vale, no Córrego do Feijão, se rompeu na cidade de Brumadinho, próxima a Belo Horizonte. A tragédia destruiu casas e propriedades rurais, e resultou na morte de mais de 200 pessoas. As buscas pelas vítimas duraram o ano inteiro. Uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) foi criada na Câmara dos Deputados para investigar as causas da tragédia, que,segundo a Agência Nacional de Mineração (ANM), poderia ter sido evitada. Mais de 22 pessoas foram indiciadas por homicídio doloso, lesão corporal dolosa, destruição de área florestal e poluição ambiental com sérios dandos à saúde e ao meio ambiente.

Salário mínimo de 2019

O salário mínimo teve um aumento de R$ 44,00.

Captura de Battisti

O italiano Cesare Battisti foi preso na Bolívia. Ele foi condenado à prisão perpétua na Itália pelo assassinato de quatro pessoas na década de 1970. A extradição de Battisti foi determinada pelo Supremo Tribunal Federal.

 

Crise na Venezuela

Nicolás Maduro, sucessor de Hugo Chávez (morto em 2013), chega ao segundo mandato em meio a uma forte crise econômica, com registros de hiperinflação e desabastecimento de alimentos e combustíveis.