Brasil

Marco da Paz chega à Ilha Bela neste sábado


Será a 32ª cidade do mundo a receber o monumento idealizado pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP), que promove a cultura de paz e o ideal de união entre os povos


  Por Redação DC 01 de Agosto de 2019 às 11:06

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


Ilhabela será a 32ª cidade do mundo que receberá o Marco da Paz, monumento idealizado pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP) que promove a cultura de paz e o ideal de união entre os povos. A inauguração será neste sábado (3/8), às 10 horas, na Praça Antonio de Jesus Braga, na Avenida São João, na Praia do Perequê.

O Marco da Paz é uma estrutura de aproximadamente 4 metros de altura, formada por um arco com pedras claras, uma pomba com a inscrição pax e um sino de cobre.

Foi criado pelo ítalo-brasileiro Gaetano Brancati Luigi, assessor especial da presidência da ACSP, sobrevivente da 2ª Guerra Mundial, com o objetivo de ajudar a construir um mundo melhor, livre de guerras e conflitos, espalhando a cultura de paz para todos os cantos do planeta.

O primeiro Marco da Paz foi implantado pela Associação Comercial no ano 2000, no Pátio do Colégio, em frente ao edifício-sede da ACSP. Atualmente é possível vê-lo em 32 localidades, de 27 cidades, em oito países.

“O mundo abraçou o Marco da Paz, cuja credibilidade e mensagem de esperança agora são abraçadas pela cidade de Ilhabela, ajudando a fortalecer a cultura de paz no coração de todos”, diz Luigi.

Para o embaixador mundial do Marco da Paz e vice-presidente da ACSP, João Bico de Souza, a inauguração em Ilhabela é motivo de orgulho para todos os envolvidos na iniciativa.

“O monumento vai ter um lugar de destaque na praia, à beira-mar, difundindo não apenas a mensagem de paz para os moradores e turistas que visitam Ilhabela, mas também o nome da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp)”, afirma. “Somente em uma sociedade pacífica é possível haver um ambiente de negócios próspero e estável, que ajude a criar riquezas para toda a sociedade. Por isso nunca é demais divulgar a ideia de paz em todos os cantos do planeta, e a ACSP faz a sua parte por meio do Marco da Paz.”

O monumento – ao lado do Impostômetro, outra iniciativa da ACSP – é a principal bandeira de promoção dos valores e ideais da entidade.

Além de Bico e Luigi, estarão presentes no evento o coordenador-geral do Marco da Paz, Amir Massis; os vice-presidentes da ACSP Roberto Mateus Ordine e Francisco Antonio Parisi; a prefeita de Ilhabela, Gracinha Ferreira; e o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Ilhabela (ACEI), Rafael Oliveira Morais.

O Marco da Paz foi concebido pelo ítalo-brasileiro Gaetano Brancati Luigi, que viveu na Itália até os 12 anos (nasceu em 1937), depois de ter visto os horrores da Segunda Guerra Mundial. Após mudar-se para o Brasil, decidiu criar o monumento para deixar um legado de paz e alertar as pessoas sobre as tragédias que ocorrem em tempos em que a paz não se faz presente.

Na cidade de São Paulo, o Marco da Paz pode ser visitado no Pátio do Colégio (local de fundação da capital paulista); na Assembleia Legislativa; nos bairros da Lapa, Tatuapé e Jaçanã; e no Parque da Juventude (antigo Carandiru, no bairro de Santana). Os municípios de Aparecida do Norte (SP), Bertioga (SP), Ubatuba (SP), Pirajuí (SP), Araçoiaba da Serra (SP), Sorocaba (SP), Piracicaba (SP), Caraguatatuba (SP), Itapetininga (SP), Ilhabela (SP), Francisco Beltrão (PR), Severiano Almeida (RS), Acari (RN) e Chapecó (SC) também têm seus monumentos.

No exterior, sete países contam com o Marco da Paz em seus territórios: México (Cidade do México, Hidalgo e Laguna-Oaxaca); Itália (Assis e Orsomarso); Argentina (Mendoza, Pehuajó e Lincoln); Uruguai (Punta Del Este); China (Xiaolin, província de Nanjing); Bolívia (Tarija); e Chile (Santiago).

Agenda

Inauguração do Marco da Paz – Ilhabela (SP)

Data: 3/8/2018 (sábado)

Horário: 10 horas

Local: Praça Antonio de Jesus Braga – Avenida São João, Praia do Perequê – Ilhabela/SP