Brasil

Associações entregam três mil bandeiras para escolas no país


Campanha das Bandeiras, uma iniciativa da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) em conjunto com 12 entidades, visa fazer com que o civismo recrudesça entre os jovens


  Por Redação DC 11 de Novembro de 2015 às 19:25

  | Da equipe de jornalistas do Diário do Comércio


A Associação Comercial de São Paulo (ACSP), junto de um grupo de onze outras entidades, doou três mil bandeiras do Brasil para escolas públicas em diferentes regiões do país em comemoração ao Dia da Bandeira (19/11).

“Precisamos incentivar a volta do civismo e resgatar os nossos valores”, disse Alencar Burti, presidente da ACSP e da Facesp (Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo) que também participa da campanha. 

As bandeiras, juntamente com CDs com gravações de hinos cívicos, foram entregues por Roberto Mateus Ordine, primeiro vice-presidente da ACSP, ao general Mauro César Lorena Cid, do Comando Militar do Sudeste. O Exército se encarregará de levar o material até as escolas 

Para Ordine, o ato de entrega de bandeiras também possui um significado pedagógico fundamental.

"Uma preocupação de toda sociedade organizada diz respeito ao futuro das crianças, que, nos últimos anos, além de ver maus exemplos de cima, não têm tido noções de civismo e ética, o que pode prejudicar a formação cívica do cidadão de amanhã", afirma. "Tal como acontece nas democracias avançadas, é necessário formar na criança uma consciência de seu papel como futuro cidadão consciente de seus direitos e obrigações."

As demais entidades que participaram da entrega das bandeiras foram: Sindicato das Seguradoras, Previdência e Capitalização (Sindseg-SP); Associação Brasileira de Comércio Farmacêutico (ABCFARMA); Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis (Sescon-SP); Associação Brasileira da Indústria de Alimentação (Abia); Sindicato das Sociedades de Crédito (Sindicrefi); Federação de Serviços do Estado de São Paulo (Fesesp); Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp); Instituto para o Desenvolvimento do Varejo (IDV); Federação Brasileira dos Bancos (Febraban); Sindicato do Comércio Atacadista de Material de Construção e Elétrico (Sincomano) e a Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP).

“Eu agradeço muito a atuação patriótica da Associação Comercial. Para nós do exército a entidade oferece uma amostra dos valores de patriotismo e amor pelo Brasil”, disse o General do Exército.

Para Luiz Antônio Fleury Filho, diretor de Relações Institucionais da Fenabrave, mais entidades deveriam participar da Campanha das Bandeiras e contribuir pelo civismo dos brasileiros. “A campanha é um exemplo a ser seguido. As pessoas se esquecem que a pátria é o lar de todos os brasileiros, e temos que cultivar essa imagem. Ideias como essa precisam se multiplicar por todo o País”, disse Fleury Filho. 

José Luiz Fernandes, presidente da Fesesp, ressaltou a importância da campanha. “Parabenizo a Associação Comercial por mais uma vez exaltar o nacionalismo e o amor à Pátria, e criar campanhas como essa, que mantém vivo o maior símbolo do patriotismo: a nossa bandeira”.

Para Fabíola Xavier, diretora-executiva do IDV, além do incentivo, é preciso agir. “Acreditamos que seja fundamental existir essa consciência patriótica nas crianças e entendemos que a nossa obrigação é contribuir para que essa mensagem chegue a todas elas. E essa é uma ótima oportunidade para nos unirmos”, disse Fabíola.

Na próxima quinta-feira, 19/11, Dia da Bandeira, distritais da Associação Comercial de São Paulo e as associações vinculadas à Facesp entregarão bandeiras a escolas em suas respectivas regiões.

FOTO: Danielle Pessanha/ACSP