Acontece no Estado

Comércio espera movimento fraco no Dia das Mães


Considerado o “segundo Natal” em termos de venda no comércio, o Dia das Mães não deve gerar grandes movimentações no mercado de São José dos Campos


  Por Redação Facesp 27 de Abril de 2016 às 00:00

  | Das equipes de comunicação de entidades membros da Federação das Associações Comerciais do Estado de S.Paulo


É o que apurou a pesquisa da Associação Comercial e Industrial (ACI) da cidade.
 
Sobre o crescimento das vendas no ano de 2016, 75% dos entrevistados não têm expectativa de que isto aconteça. Em relação ao mesmo período do ano passado, a maioria dos entrevistados (53%) espera que as vendas sejam piores, enquanto 29% acreditam na melhora e 18% esperam uma situação igual.
 
Mesmo com a expectativa de vendas baixa, 44,4% dos comércios esperam que os gastos fiquem entre R$ 51 e R$ 100, enquanto 26,7% esperam que o ticket médio seja de até R$ 50, 20% que fique entre R$ 101 e R$ 200 e apenas 8,9% acima de R$ 201.
 
Dentre os estabelecimentos pesquisados, 46% esperam maior procura por vestuário feminino, 24% por acessórios e 19% por calçados. Apesar do comércio regularmente contratar temporários para datas comemorativas, 86,7% não têm essa intenção para o Dia das Mães, o que ilustra a baixa expectativa no movimento.
Evitando ações que geram custos, como a contratação de novos funcionários, apenas 33,3% dos entrevistados investirão em propagandas para a data. Entretanto, para atrair os clientes, 62,2% pretendem fazer promoções específicas para a data.