Acontece no Estado

Associações da RA-7 são premiadas no 16º Congresso Estadual da Facesp


Encontro reuniu 1,3 mil pessoas de todo o estado, no Guarujá, entre os dias 4 e 6 de novembro


  Por FACESP 09 de Novembro de 2015 às 00:00

  | Informações da Federação das Associações Comerciais do Estado de S.Paulo


As Associações Comerciais que compõem a Região Administrativa 7 da FACESP (Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo), foram premiadas em cinco categorias no prêmio AC Mais, entregue durante o 16º Congresso da Federação, que aconteceu de 04 a 06 de novembro, no Guarujá. 

Dentre as vencedoras da RA7 estavam Piracicaba, que ganhou na categoria de desenvolvimento local junto com Rio Claro; Campinas que foi escolhida na categoria de melhores práticas BoaVista - SCPC e Limeira e Itatiba, premiadas na categoria Produtos e Serviços. Das 36 finalistas para o prêmio, as Associações da RA7, região com sede em Campinas, tiveram o maior número de indicações. Ao todo foram nove.

“É gratificante sermos reconhecidos pelo nosso trabalho diário e com certeza esse prêmio nos motiva a melhorar cada vez mais e a levantar a bandeira do associativismo com paixão”, afirma a vice-presidente da FACESP/RA7 e presidente da ACIC, Adriana Flosi.

O Prêmio AC Mais é uma ação da FACESP para destacar e reconhecer as atividades, casos de sucesso e exemplos de práticas e resultados dentro das Associações Comerciais do estado de São Paulo. A premiação é dirigida às Associações Comerciais que possuem boas práticas e bons resultados. Os dados são apurados por meio de uma pesquisa de desenvolvimento organizacional realizada ao longo do ano.

As Associações Comerciais de Itatiba e Rio Claro também foram homenageadas no projeto Empreender Competitivo. Ambas apresentaram  os cases que mereceram destaque.

SOBRE O CONGRESSO

O Congresso da FACESP é um dos mais tradicionais encontros entre empresários e líderes de diversos setores da economia do país que reune anualmente representantes das mais de 400 Associações Comerciais paulistas. Neste ano, em sua 16ª edição, o evento buscou disseminar e discutir a situação econômica em que o Brasil se encontra, além de apontar algumas soluções para as quedas constantes do varejo.

A cerimônia de abertura, realizada no dia 04, contou com a participação de mil pessoas, que acompanharam o discurso do presidente da Federação, Alencar Burti. “Estamos realizando esse congresso em um momento muito delicado da vida nacional, em que se superpõe crises ética, política, fiscal, econômica e social”, explica.

Para ele é preciso que os líderes brasileiros tenham inspiração, foco, trabalho e ideias para encontrar caminhos e superar a crise e que, as Associações Comerciais, busquem o fortalecimento do associativismo e contribuam para que os empresários possam administrar melhor suas empresas.

Já o segundo dia de congresso, 05, foi marcado pelo início do projeto Empreender, uma parceria das ACs com o Sebrae, que visa fortalecer a competitividade das micro e pequenas empresas (MPEs), reunindo-as em núcleos setoriais para que discutam especificidades dos mercados de atuação. O objetivo é que esses núcleos se encontrem periodicamente na sede das Associações e debatam problemas em comum buscando soluções eficazes.

“Precisamos falar do que é fundamental para superar uma crise: empreender. E para isso é necessário inovar. A tecnologia e a ciência deram uma velocidade ao desenvolvimento que, para nós, parece inacreditável, mas é a realidade. Ou você se ajusta à nova realidade ou você fica parado no tempo”, disse o presidente da FACESP, Alencar Burti.

O segundo dia contou também com a presença da jornalista política da Globo News e da TV Globo, Cristiana Lôbo, que comandou o painel “Cenário político atual e futuro”. De acordo com a apresentadora – que desde 1982 cobre os bastidores de Brasília – não é possível separar a crise política da econômica, uma vez que uma sempre contamina a outra. Mais do que isso, afirmou que o atual momento é agravado pela sobreposição de outras tantas crises, como a ética e a de confiança.

O 16º Congresso da FACESP terminou no dia 06 com a entrega do Prêmio AC Mais e com a palestra do presidente nacional do Sebrae, Guilherme Afif. O presidente ministrou a palestra Para um Brasil Mais Simples, que abordou o programa Bem Mais Simples e a Empresa Simples Crédito.

Para ele a simplificação das atividades das empresas e dos cidadãos brasileiros é fundamental para aumentar a competitividade do país. “O mais importante é que simplicidade está ligada à agilidade, fundamental  para um país competitivo”, disse Afif.