São Paulo, 10 de Dezembro de 2016

/ Economia

Neste ano, o comércio abriu menos vagas, pois o bom velhinho foi excluído de shoppings, lojas e festas de confraternização de empresas multinacionais

comentários


O item que mais subiu foi o espumante, com alta de 24,81% na primeira semana de dezembro ante igual período de 2015

comentários

Resultado abre espaço para uma redução menos “tímida” da taxa de juros por parte do Banco Central, segundo economistas da ACSP

comentários

...o movimento de melhora relativa do indicador da FGV abre apenas a possibilidade de uma redução no ritmo de queda dos investimentos produtivos nos próximos meses

comentários

Em 12 meses, o resultado ficou em 6,99%, ainda muito acima do teto da meta estipulada pelo governo, de 6,5%

comentários

Indicador da Ceagesp subiu 0,67% ante 2,73% em outubro. A baixa demanda, o câmbio e o clima influenciaram

comentários

Ovos, feijão, legumes e leite foram os itens que registraram o maior recuo entre outubro e novembro, segundo o Dieese

comentários

Redução maior foi discutida na reunião do Copom, mas ainda depende da queda na resistência de alguns componentes do índice de preços, segundo Ilan Goldfajn, presidente do BC

comentários

A redução nos preços dos materiais e serviços ajudaram a desacelerar a inflação na construção em novembro

comentários

Em relação ao Regime Próprio de Previdência, que paga as aposentadorias dos servidores públicos, excedente será de cerca de R$ 60 bilhões em 10 anos

comentários

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11