Vida e Estilo

Sabe o que estes e outros magnatas falam de Donald Trump?


Charlatão, hipócrita, incompetente, desonesto, incendiário, demagogo, ignorante, racista, irresponsável, cerceador, provinciano. As opiniões são de alguns dos empreendedores mais ricos do mundo


  Por Inês Godinho 19 de Agosto de 2016 às 16:00

  | Jornalista especialista em sustentabilidade e gestão, a editora atuou no Estadão, na Editora Abril e na Folha de S. Paulo


Bilionários são conservadores por instinto, certo? Errado. Quando o candidato do Partido Republicano se chama Donald Trump, consegue a proeza de unir contra ele as celebridades americanas do Clube dos Bilhões

Bilionários dedicados à filantropia, como o megainvestidor George Soros, ou representantes da revolução digital, tipo Mark Zuckerberg/Facebook, querem distância do candidato.

Como tratar alguém que faz declarações ofensivas contra mulheres, imigrantes, muçulmanos e mexicanos, que quer fechar a internet, censurar a imprensa e acabar com o livre comércio? 

LEIA MAIS:
Trump seria uma tragédia internacional. E também para o Brasil
O que explica a ascensão de Donald Trump

Não se trata apenas de negar fundos para a campanha do dublê de empresário e showman, como anunciou Warren Buffet, o papa dos investidores, e Tim Cook, da Apple.

Muitos têm vindo a público desancar Trump, alguns sem papas na língua, como Michael Bloomberg e Meg Whitman, da HP.
 
Outros reagem secretamente. Em março, houve rumores sobre uma reunião secreta com a presença de Larry Page, do Google, Elon Musk, da Tesla, Tim Cook e outros CEOs, promovida para discutir um jeito de parar Trump. Musk negou que este tenha sido o tema.

Pode ser um pouco constrangedor para Hilary Clinton, do Partido Democrata, ter tantos magnatas anunciando apoio a sua candidatura presidencial. Mas é pior para o republicano.
 
Autoproclamado o mais popular dos bilionários e gestor de sucesso, está se verificando agora que o excêntrico investidor não chega nem perto da fortuna de Bill Gates, da Microsft, de Jeff Bezos, da Amazon, e de Musk. 

Trump também coleciona uma longa lista de fracassos empresariais. Aliás, ninguém ainda conseguiu colocar os olhos em sua declaração de imposto de renda.

Entre os muito ricos que apoiam abertamente a candidatura Trump, estão donos de instituições financeiras médias, investidores imobiliários ou donos de cassinos. Nenhum astro das revistas de negócios apareceu para dar apoio.

Algumas personalidades têm lembrado a Trump que, se suas ideias estivessem em prática há 50 anos, nenhum deles teria construído suas fortunas. Sequer entrariam nos Estados Unidos, pois a maioria chegou ali como imigrante ou descendente.

Se depender da opinião desses donos de fortunas de nove zeros, todos no topo da lista dos mais ricos da revista Forbes, Trump não senta na cadeira presidencial.

Warren Buffet

Presidente e maior acionista da Berkshire Hathaway, é chamado de “o profeta de Omaha”, pela influência que exerce sobre os investidores em todo o mundo.

“Você não tem senso de decência, senhor?” (em resposta à desculpa de Trump de que não mostrava sua declaração de renda porque estava sob auditoria interna.)

“Em 1995, quando ele (Trump) abriu o capital da sua companhia (Trump Hotels and Casino Resorts), se um macaco tivesse jogado dardos sobre uma lista de empresas cotadas na bolsa, teria tido um lucro de 150%. Mas as pessoas que acreditaram em Trump e ouviram seu canto de sereia, perderam mais de 90% dos seus recursos.” 

Charlie Munger

Vice-presidente da Berkshire Hathaway e braço direito de Buffet.

“Alguém que faz dinheiro com cassinos não é moralmente qualificado (para ser presidente)”

Michael Bloomberg

Dono do Grupo Bloomberg e ex-prefeito de Nova York. 

“Trump deixou um histórico bem documentado de bancarrotas, milhares de processos, acionistas irritados, fornecedores logrados e clientes desiludidos, que se sentem roubados. Ele diz que pretende governar este país como faz nos seus negócios? Deus nos ajude.”

"É um demagogo perigoso.”

“Verdade seja dita, a coisa mais rica sobre Donald Trump é sua hipocrisia.” (Sobre a propalada fortuna do showman.)
 
“(Trump) quer que acreditemos que os problemas desse país serão resolvidos deportando mexicanos e bloqueando a entrada de muçulmanos. Está errado.”

“Um presidente precisa ser uma pessoa que resolve problemas e não um lançador de bombas.”

“Construí um negócio e não fiz isso com um cheque de um milhão de dólares dado por meu pai.” (Sobre o mito de self mademan difundido por Trump, filho de um construtor bem-sucedido)

“Sou novaiorquino e os novaiorquinos reconhecem um charlatão quando estão diante dele.”

Meg Whitman 

Co-fundadora do eBay e atual presidente da HP.

“Votar em Donald Trump significa endossar um candidato que explora o ódio, o rancor, a xenofobia e a divisão racial. A demagogia de Trump ameaça a essência do nosso caráter nacional.”

“As posições irresponsáveis e desinformadas de Trump em questões-chave – de imigração à economia e à política internacional – demonstram fartamente que falta a ele tanto a profundidade quanto o bom senso requeridos a um presidente. O jeito errático de Trump colocaria em perigo nossa prosperidade e segurança nacional. Seu caráter autoritário pode ser muito mais perigoso.” 

Jeff Bezos

Fundador e presidente da Amazon, de uma empresa de construção de foguete espacial e dono do jornal Washington Post.
 
"Finally trashed by@realDonaldTrump. Will still reserve him a seat on the Blue Origin rocket. #sendDonaldtospace." (Em um twiter, Bezos brincou que enviará Trump para o espaço em um de seus foguetes.)

“Este não é um modo apropriado para um candidato presidencial se comportar. Ele ameaça nossa liberdade de expressão.”

(Sobre as ameaças que Trump fez de censurar o Washington Post por seu posicionamento crítico e de atacar as empresas de Bezos se ganhar a eleição.)

“Vivemos em um planeta em que metade da população, se criticar seus governantes, irá para a cadeia ou coisa pior. (Nos Estados Unidos) vivemos em uma democracia maravilhosa, com uma incrível liberdade de expressão. Uma empresa como a Amazon deve ser escrutinada e criticada. Um candidato a presidente deve aceitar isto. É essencial que sejamos capazes de examinar com cuidado nossos líderes. Esta é uma regra muito importante. Sem regras, a Constituição é apenas um pedaço de papel.” (Sobre a liberdade de imprensa atacada por Trump.)

Mark Zuckerberg

Fundador do Facebok e co-fundador da FWD, uma organização não-governamental que defende reformas na imigração e tem criticado a posição de Trump sobre o tema. 

“Estou começando a ver pessoas e países se voltando para dentro, contra a ideia de um mundo conectado e uma comunidade global. Ouço vozes amedrontadoras pedindo a construção de muros e afastando pessoas que elas rotulam como Os Outros.” (Sobre a cultura do medo disseminada por Trump contra imigrantes e estrangeiros e a proposta de construção de um muro entre os Estados Unidos e o México.)  

Bill Gates

Fundador da Microsft, da Fundação Bill e Melinda Gates, um dos maiores filantropos do mundo. Também co-fundador da FWD com Zuckerberg, lidera o movimento para que os bilionários doem parte de sua fortuna para ações sociais.

“Donald não é conhecido por sua filantropia. É conhecido por outras coisas.” (Gates ironizando a resistência de Trump a fazer qualquer tipo de doação.)

“Quem é o maior vencedor de todos os tempos em criar escala para os negócios no mundo? Os Estados Unidos. Somos os grandes beneficiários da globalização. Aqueles que defendem que restringir o comércio é bom para os negócios domésticos estão errados.”

(Sobre as críticas feitas por Trump contra a economia globalizada e a ideia de fechar as fronteiras do país para preservar postos de trabalho.)

Elon Musk

Cientista, co-fundador e presidente da Tesla, fabricante de carros elétricos e fundador da SpaceX. Fabricante de foguetes e idealizador de um projeto de exploração do turismo espacial. Considerado o novo Steve Jobs do mundo da tecnologia, não gosta de política.

“Não tenho sentimentos fortes (sobre envolver-se com política) exceto a esperança de que Trump não ganhe a indicação do Partido Republicano.” (Trump ganhou.)

George Soros

Polêmico especulador, investidor com negócios em vários países (e acionista das empresas Trump no passado). Criador e financiador da Open Society, fundação internacional que defende os direitos humanos e a liberdade de expressão. 

“(Com seu discurso anti-imigração) Donald Trump está fazendo o trabalho do ISIS (Exército Islâmico). Ideias como fechar as fronteiras dos Estados Unidos aos muçulmanos podem fazer com que esta comunidade não veja mais alternativa a não ser o terrorismo.”

Tim Cook

Presidente da Apple. (A companhia vem sendo criticada por Trump por terceirizar a fabricação dos seus produtos em outros países, levando empregos embora.) 

“Considero que o fato da Apple ser essa grande empresa só poderia ter acontecido aqui (nos Estados Unidos). E nós encaramos como nossa responsabilidade apoiar essa ideia e falar por todas as pessoas que pensam como nós, mas não têm voz. (...)"

“Não é nosso papel fazer política. Mas também não é apenas deixar as coisas acontecerem. Vemos que este é o momento para nos erguermos e dizer 'Pare'. E forçar o diálogo. Não sei como será o fim do dia, mas sei qual é nosso papel.” (Em resposta às chamadas de Trump para que os americanos boicotem os produtos da Apple.)

IMAGEM: Reprodução