São Paulo, 26 de Julho de 2017

/ Negócios

Renda é o principal benefício de ser empresário
Imprimir

De acordo do com pesquisa realizada pelo Sebrae, donos de pequenos negócios também defendem que conciliar família e trabalho é mais uma qualidade do empreendedorismo

Manter a renda e ter independência financeira são os dois principais benefícios de ser dono do próprio negócio.

De acordo com pesquisa realizada pelo Sebrae, 57% dos donos de pequenos negócios elencaram esses dois itens como vantagem.

A possibilidade de conciliar trabalho com família e a realização de um sonho, também foram privilégios destacados pelos empreendedores ouvidos.

De acordo com o levantamento, os microempreendedores individuais (MEI) e os donos de microempresas são os que consideram a manutenção da renda como principal benefício.

Já para os donos de pequenas empresas, a independência financeira vem em primeiro lugar.

“Cada vez mais é comprovada a tese de que muitas pessoas procuram no empreendedorismo uma nova forma de ganhar dinheiro. Abrir uma empresa tem ajudado trabalhadores a sustentarem suas famílias, permitindo também que passem mais tempo com elas”, afirma Guilherme Afif Domingos, presidente do Sebrae.  

Ele ressalta que abrir uma empresa implica em alguns cuidados e dedicação.

“O importante é o potencial empreendedor estar preparado para abrir um negócio. O Sebrae oferece vários serviços, como capacitações e consultorias para ajudar os empreendedores a se realizarem na escolha que fizeram”, complementa Afif.

FOTO: Thinkstock



Pesquisa do Sebrae mostra que 71% dos donos de microempresas rurais e 85% dos proprietários de empresas de pequeno porte no campo usam smartphones para acessar a web

comentários

O consumo da bebida cresce em média, 20% ao ano e a expectativa é de que, até o final de 2017, 500 cervejarias artesanais estejam operando no país

comentários

Em junho, os pequenos negócios abriram 35,8 mil novos postos de trabalho no país, 14,4% a mais do que no mês anterior

comentários