São Paulo, 26 de Junho de 2017

/ Negócios

Falta de crédito dificulta investimento em inovação
Imprimir

Estudo da agência Desenvolve SP mostra, entretanto, que 80% dos pequenos e médios empresários buscam inovar apesar da falta de recursos

Uma pesquisa feita no fim do ano passado com empresários pequenos e médios do Estado de São Paulo indica que a falta de crédito ainda é o maior entrave para investir em inovação

Entre as seis repostas possíveis, esta foi a mais apontada, por 26% dos entrevistados, o mesmo resultado verificado em 2015.

Segundo o levantamento, que foi feito pela Agência de Desenvolvimento Paulista, a Desenvolve SP, ligada ao governo estadual, o segundo motivo mais apontado foi a carga tributária, com 21%, e o terceiro, a incerteza na conjuntura econômica e política, com 16%, ambos sem variações em comparação com o ano anterior.

Em relação aos que pretendem investir em inovação neste e no próximo ano, houve uma leve queda, de 81% em 2015 para 80% em 2016. 

O porcentual, apesar de mais baixo, é considerado alto pela agência que realizou o levantamento. "A pesquisa nos mostra que mesmo num período de incerteza econômica os empresários estão dispostos a investir em inovação", disse Milton Luiz de Melo Santos, presidente da Desenvolve SP.

IMAGEM: Thinkstock



A proposta é utilizar o montante e a multa de 40%, paga nos casos de demissão sem justa causa, para repassar três parcelas ao trabalhador

comentários

O governo descarta a hipótese de acelerar o processo, mas, caso necessário, um acordo de líderes pode encurtar o calendário e levar o assunto diretamente ao plenário

comentários

Para o Ipea, PIB deve crescer 0,7%, e o investimento, 0,1%, neste ano, mas números podem ser revistos

comentários