Negócios

Custo da construção sobe 0,13% em agosto


Alta no mês refere-se a reajustes salariais remanescentes, mas a a tendência é de estabilidade no indicador, segundo o Sinduscon-SP


  Por Estadão Conteúdo 05 de Setembro de 2017 às 15:46

  | Agência de notícias do Grupo Estado


O Custo Unitário Básico (CUB) da construção civil do Estado de São Paulo subiu 0,13% em agosto na comparação com o mês anterior, chegando a R$ 1.319,13 por metro quadrado - a quarta alta seguida no indicador.

Já nos últimos 12 meses, o crescimento atingiu 1,84%, de acordo com pesquisa do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP), em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

O CUB é o índice oficial que reflete a variação dos custos mensais das construtoras para a utilização nos reajustes dos contratos de obras.

Dentro da composição do indicador, os custos médios com mão de obra representaram 61,81%, materiais, 34,95%, e despesas administrativas, 3,24%.

Nas obras incluídas na desoneração da folha de pagamento, a alta foi de 0,12% no CUB na comparação de agosto com julho, totalizando R$ 1.221,48 por metro quadrado. Em 12 meses, o indicador registra alta de 1,74%.

LEIA MAIS:Reformas alavancam vendas de material de construção em agosto

De acordo com Eduardo Zaidan, vice-presidente de Economia do SindusCon-SP, a ligeira oscilação positiva em agosto no CUB resultou de reajustes anuais remanescentes em salários de trabalhadores e de engenheiros, em alguns municípios.

"A tendência daqui para diante é de estabilidade no indicador", afirma.

Imagem: Thinkstock