São Paulo, 28 de Abril de 2017

/ Gestão

Startups com propostas sociais receberão mentoria do Sebrae
Imprimir

A iniciativa vale para as empresas selecionadas no InovAtiva, programa de aceleração de startups

As startups que foram selecionadas no primeiro ciclo de 2017 do programa InovAtiva Brasil e que possuam projetos com impacto social ou ambiental vão receber orientações, cursos e mentorias. 

Para essas empresas, haverá um módulo voltado para o treinamento e acompanhamento de mentores com expertise em negócios que causam impacto positivo em populações de baixa renda. 

O programa, realizado pelo Sebrae e Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), é voltado para a aceleração de pequenos negócios de base tecnológica. 

O gerente de Acesso à Inovação, Tecnologia e Sustentabilidade do Sebrae, Célio Cabral, diz que a questão do impacto social ganha relevância no universo empreendedor, justamente porque as pessoas estão mais conscientes em desenvolver um negócio com valor compartilhado. 

“Essas empresas têm procurado, além do retorno financeiro, contribuir com as classes menos favorecidas na base da pirâmide social, bem como o impacto que causarão no meio ambiente. E esse modelo de empreendedorismo tem despertado o interesse dos que desejam abrir uma startup”, afirmou.

Os cursos e treinamentos a serem oferecidos neste módulo estão divididos em quatro temas: introdução aos negócios de impacto; ecossistema de impacto social; cases de negócios de impacto; e oportunidades de investimento e mensuração de impacto. 

As orientações, treinamentos e cursos dentro deste módulo vão até 1º de junho. 

IMAGEM: Thinkstock



De acordo com pesquisa do Sebrae, de cada 10 empresas que estão nesse sistema de tributação, oito se mantêm ativas após o segundo ano

comentários

A proposta, em tramitação na Câmara, estabelece ainda a criação da Empresa Simples de Crédito, que poderá fazer empréstimo localmente aos empreendedores

comentários

Programa do Sebrae terá piloto em comunidades, como a de Paraisópolis (foto) e irá identificar moradores com perfil empreendedor, incentivar a formalização de pequenos negócios e promover capacitação empresarial

comentários