São Paulo, 18 de Janeiro de 2017

/ Gestão

As 10 marcas mais influentes do Brasil
Imprimir

Samsung derruba o Google e encabeça a lista das marcas mais fortes do país segundo a Ipsos Marketing e da Ipsos Connect

O Google perdeu o trono de marca mais influente no mercado brasileiro. Esse é um dos resultados da segunda edição do The Most Influential Brands, pesquisa da Ipsos Marketing em parceria com a Ipsos Connect, que revela quais as marcas que fazem a cabeça dos consumidores em 16 países.

Entre os atributos que definem como as marcas podem influenciar influenciar os consumidores estão a Relevância, a Confiança, a Liderança, a Presença, a Cidadania Corporativa e a capacidade de gerar movimentos na internet. 

VEJA TAMBÉM: 7 maneiras criativas para divulgar sua marca nas redes sociais

Foram feitas 1.000 entrevistas, com entrevistados de todas as regiões do país, das classes A, B e C, entre 18 e 55 anos.
Por aqui, quem liderou a última pesquisa foi a fabricante de celulares de dispositivos móveis Samsung – que tirou o Google do primeiro lugar, onde estava no levantamento divulgado no ano passado. Neste ano, a gigante do Vale do Silício aparece em terceiro lugar. A Nestlè passou do quinto para o segundo lugar. 

No estudo publicado em 2014, a Natura estava em segundo lugar – neste ano, a fabricante de cosméticos foi parar no sétimo lugar. Quem também despencou do ano passado para cá foi a Johnson&Johnson, que caiu da quarta para a nona posição. 

ASSISTA: "Você tem de aproveitar as oportunidades que os anos de crise geram"

As novidades no ranking deste ano ficam por conta de Gillete, Microsoft e Sadia. Quem sumiu da lista neste ano foi a Colgate e a Brastemp, que apareceram no último levantamento. 

 

 



Em um ano conturbado por crises, com mudanças comportamentais que emergiram fortemente, as marcas tiveram de explorar novos conceitos para se destacar

comentários

Conheça os Apps que se destacaram neste ano e os que são essenciais para qualquer empreendedor

comentários

Ferramenta de busca está passando por uma grande transformação e é cada vez mais acessada pelo celular

comentários